terça-feira, 22 de setembro de 2015

O vereador Chico de Irineu analisa um suposto escândalo na merenda escolar relativo ao ano de 2004



O vereador Chico de Irineu analisa as irregularidades no montante da merenda escolar consumida em apenas 20 dias no exercício de 2004 no mês de abril, onde quem exercia o cargo de prefeito era o Sr. Antonio Cordeiro do Nascimento (Antonio de Roque).

"Diante do relatório apresentado pelo TCE-PE foi visto a irresponsabilidade com o dinheiro público especificamente na Educação". Frisou 

Confira as irregularidades apontadas pelo TCE.

Afirma o Tribunal de Contas. "Se não bastasse tal fato, as quantidades constantes dos mapas de desatribuição da Merenda Escolar, são incompatíveis com o uso de qualquer escola pública do Estado. Por exemplo, na Escola Jose Higino de Sousa (fl.203), supostamente teria sido entregues em 01/04/2004, para utilização do período de 20 dias, as seguintes mercadorias: a) 107.000 Kg de feijão; b) 286.000 Kg de arroz; c) 283.500 Kg de macarrão; d) 147.000 Kg de charque; e) 105.840 Kg de sardinha; f) 143.000 Kg de fubá; g) 11.700 litros de óleo; h) 20.000 Kg de sal".


Totalizando um valor de 118.915,70, que não condiz com o montante pedido no relatório. Onde o TC recomenda a Câmara Municipal a rejeição da contas. 


Collar Blog Jataúba News 




Aqui você tem o melhor atendimento!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário