terça-feira, 3 de maio de 2016

Pipeiros de Santa Cruz do Capibaribe fecham PE-160 em protesto contra a Codecipe

Fotos: Fernando Lagosta

Na manhã desta terça-feira (03) pipeiros de Santa Cruz do Capibaribe aderiram à paralisação de advertência para protestar contra a Coordenadoria de Defesa Civil de Pernambuco (Codecipe).

O protesto é motivado pelo não recebimento de valores dos contratos realizados com a Compesa que, por determinação do Governo do Estado, repassou os contratos e a renovação destes para a Codecipe.

Em Santa Cruz, diversos pipeiros já vinham reclamando a falta dos pagamentos. Segundo eles, alguns dos atrasados chegam a mais de seis meses, com valores que podem ultrapassar os R$ 30 mil cada e também, segundo eles, a burocracia feita por parte da Codecipe para fazer a renovação dos contratos.

Em outra oportunidade, tentamos falar com diretores da Codecipe, que estiveram em Santa Cruz do Capibaribe, mas os mesmos se recusaram a dar maiores declarações.

Os pipeiros seguiram em comboio por várias ruas da cidade a partir do bairro São Miguel, fazendo pequenas paralisações e, neste momento, bloqueiam os dois sentidos da PE-160 (próximo a entrada da cidade) em um protesto que não tem hora para terminar.





O congestionamento já começa a ficar intenso, especialmente pelo fato de hoje ser um dia de feiras no Moda Center Santa Cruz.

Nenhum comentário:

Postar um comentário