terça-feira, 13 de dezembro de 2016

Em Jataúba, vereador Zuza avalia mandato e diz: "Minha postura vai continuar a mesma na câmara"


Em entrevista concedida ao blog agreste no ar o vereador Zuza do Jacú (PTB) fez uma avaliação do seu mandato como vereador na cidade de Jataúba, falou sobre as dificuldades enfrentadas durante a legislatura, sobre a perspectiva para o novo mandato já que o mesmo foi reeleito nas últimas eleições, sobre a disputa pela presidência da câmara para o próximo biênio e sobre a sua postura em busca de benefícios para a sociedade Jataubense a partir de janeiro de 2017.

AVALIAÇÃO – Zuza se disse satisfeito com o seu mandato e afirmou que está com a consciência tranquila uma vez que o povo deu uma resposta positiva nas urnas conferindo a ele mais um mandato, “Sei que não agradei a todos, mas nem Jesus Cristo agradou a todos, me esforcei o máximo pra fazer o melhor”, disse o vereador que afirmou que se o trabalho não tivesse sido aprovado ele não teria conseguido a reeleição, no entanto, a resposta positiva nas urnas é um sinal de que o mesmo tem realizado um bom trabalho.

DIFICULDADES – O vereador disse que passou vários momentos difíceis durante o seu mandato, como por exemplo, reuniões com pautas polêmicas, votações de projetos que geraram grandes discursões, e principalmente projetos para tirar direitos dos professores, “Eu nunca fugi, sempre fiquei do lado dos professores, não faltei nenhuma reunião porque sei que quem paga o salário do vereador é a população e nós temos a obrigação de não faltar às reuniões”, disse Zuza.

PRÓXIMA LEGISLATURA E PRESIDÊNCIA – Zuza disse que a nova composição é muito boa e que mesmo com o lacar de 6x5 desfavorável a oposição se torna mais forte, pois, em votações de projetos polêmicos em que se precise de dois terços para aprovação, o prefeito terá grandes dificuldades. Com relação à eleição da mesa diretora da câmara, ele disse que a oposição irá esperar o anuncio do nome da situação para poder fazer as suas articulações e tentar assim fazer a presidência da casa.

Por fim, Zuza se disse muito confiante e falou que irá manter a mesma postura na próxima legislatura, “Vou continuar cobrando, eu fiz mais de 100 requerimentos e nenhum foi atendido, mas aí é um problema do prefeito, agente tá cobrando e mostrando as necessidades das comunidades”, disse Zuza que afirmou que o prefeito usa de manobras para aprovar projetos como, por exemplo, mandar um projeto que deveria ser analisado melhor faltando duas reuniões para que fosse aprovado, se referindo ao projeto que autoriza o aumento de alvarás no município, e disse que o mesmo não tem compromisso com a população.

Confira a entrevista (CLIQUE AQUI)

J. Silva / Agreste No Ar

Nenhum comentário:

Postar um comentário