segunda-feira, 2 de janeiro de 2017

Zé Minhoca é eleito presidente da Câmara de Vereadores de Santa Cruz do Capibaribe


Os vereadores da Casa José Vieira de Araújo, já na tarde desta segunda-feira (01), após tomarem posse de seus mandatos para a Legislatura que vai de 2017 a 2020, votaram para decidir os nomes que formarão a Mesa Diretora no primeiro biênio (2017/2018).

Após empossados o prefeito Edson Vieira (PSDB), o vice-prefeito Dida de Nan (PSB) e os 17 parlamentares da Casa, o presidente da sessão, Nailson Ramos (PMDB), estabeleceu 30 minutos para a formação e apresentação das possíveis chapas com interesse de disputar a Mesa Diretora do Legislativo Municipal.


Passado o tempo necessário, apenas uma chapa se apresentou a Mesa, tratando-se da chapa do grupo situacionista, formada pelos vereadores Zé Minhoca (PSDB), como candidato a presidente, Ronaldo Pacas (PR), como candidato a primeiro-secretário, e Klemerson Pipoca (PSDB), como candidato a segundo-secretário.


Como já era esperado, dada a conjuntura política que garante ao grupo situacionista na cidade uma maioria de votos, com 10 dos 17 parlamentares da Casa, a chapa única e governista saiu vitoriosa. Entretanto, a chapa obteve êxito com um confortável placar de 15 votos favoráveis e 2 contrários, já que contaram com mais 5 votos de vereadores oposicionistas, foram eles: Ernesto Maia (PT), Capilé da Palestina (PTN), Helinho Aragão (PTB), Augusto Maia (PTN) e Marlos da Cohab (PTN).

Desde o dia 22 de dezembro o grupo boca-preta havia anunciado os candidatos para a Mesa Diretora neste biênio, onde definiram também, na oportunidade, os nomes que assumiram hoje as lideranças da bancada e do governo, que são o vereador Toinho do Pará (PSB) e a vereadora Jessyca Cavalcanti (PTC), respetivamente.

Polêmica


Após assumir de forma efetiva a Mesa Direto da Câmara, o vereador Zé Minhoca, já como presidente da sessão, preparava-se para fazer uso da Tribuna pela primeira vez como presidente e agradecer pela vitória conquistada, quando viu o vereador e líder da bancada de oposição Ernesto Maia anunciar a saída de sua bancada da cerimônia, o que foi observado como um ato de desrespeito as autoridades e público presente. 


Porém, os vereadores Helinho Aragão, Augusto Maia e Capilé da Palestina não seguiram a orientação do líder e permaneceram no local para acompanharem a fala do novo presidente, que agradeceu aos pares pela vitória e repudiou a atitude tomada pelos vereadores oposicionistas.

Presidente 


Ao discursar, o novo presidente falou sobre o compromisso dos vereadores situacionistas de manter as parcerias firmadas com o executivo. “Os nossos vereadores vão manter a mesma parceria que foi feita a quatro anos atrás, para que a gente possa fazer as transformações que a cidade precisa e que o povo tanto espera. Esse compromisso, não é só do vereador Zé Minhoca, é um compromisso da nossa bancada em quem eu confio plenamente. Você terá em nós esse parceiro”, disse.

Blog Direto ao Ponto

Nenhum comentário:

Postar um comentário