sábado, 25 de janeiro de 2014

Maníaco confessa que matou menina de dez anos e é flagrado abusando de mulher

Minutos depois de negar o crime, ele desiste das mentiras e assume que assassinou a pequena Laisa. Para tentar justificar o que fez, ele colocou a culpa na bebida. 

 

 

Em menos de 24h dois assalto aqui em Jataúba


Ontem à noite dois meliantes assaltaram a farmácia Drogazil que fica em frente à escola José Higino, os mesmo chegaram e rederam o proprietário e levaram o dinheiro do caixa logo após seguiram um rumo ignorado.


 Já hoje pela manha foi tomado de assalto um Fiat uno de cor branca que pertence ao popular Gordo do Bar, os meliantes levaram seu automóvel ate o momento não se sabe o paradeiro.

Padeiro Aelton leitor do Blog


Diretora cobra agilidade para que obras recomecem

A diretora da escola Jose Lopes de Siqueira a senhora Roseane Chaves, aproveitou o momento de visita dos deputados, Diogo Moraes e João Fernando (PSB) para pedir agilidade nas obras da escola que estão paralisadas já há um bom tempo, os deputados se prontificaram a cobrar dos devidos responsáveis, e que em breve estará sendo retomados os serviços para o termino da quadra poliesportiva, que irá beneficias os alunos que sempre vem cobrando este espaço para suas praticas esportivas.



 Collar Blog Jataúba News

Homem mata sogra e esposa porque ficavam muito tempo no Facebook e no Whatsapp



O fato aconteceu na cidade de Caarapó (MS) na última quarta-feira (15). O acusado foi preso pela polícia militar tentando fugir da Cidade. Claudio José do Nascimento de 33 anos matou a sogra Ana Cláudia dos Santos, de 39 anos, e a esposa Daiane dos Santos, de 21 anos, com vários golpes de faca.
O crime ocorreu nas imediações da garagem da prefeitura na Vila Planalto daquele município. Daiane foi agredida com 4 facadas, sendo 2 golpes na perna esquerda e dois nas costas e morreu na hora. A mãe dela, Ana, foi agredida com uma facada no peito e um no braço esquerdo, chegou a ser encaminhada ao Hospital São Mateus, de Caarapó, onde morreu pouco depois.
Segundo a polícia, o acusado Claudio fugiu do local do crime num veículo VW Logus, que foi localizado na área central da cidade. O suspeito tentou fugir, mas acabou sendo preso e encaminhado à delegacia, juntamente com a faca que usou para matar.

Na delegacia, ele confessou o duplo homicídio. Conforme uma testemunha, o autor esfaqueou Daiane, a mãe dela tentou defender a filha e levou duas facadas. Claudio contou que matou a esposa por ciúme. Ele disse que a esposa não cuidava da casa e fica muito tempo no facebook e Whatsapp. O acusado foi autuado em flagrante por homicídio. ( Por Blog Mari Fuxico / Giro Central)




Paulo Rubem pode ser vice de Armando Monteiro Neto


PDT pode migrar para a coligação encabeçada pelo petebista (Foto: Bruno Campos)
A possibilidade de o PDT verticalizar seu alinhamento à reeleição da presidente Dilma Rousseff (PT), com a orientação para as instâncias regionais buscarem palanques da petista nos Estados, deixou muitos aliados do senador e pré-candidato a governador, Armando Monteiro Neto (PTB), bem animados. Sobretudo porque o petebista recebera o indicativo de integrantes da área política do Governo Federal de que o comando nacional pedetista está aberto para discutir composições que fortaleçam a legenda regionalmente.

E a coligação que se desenha como base da postulação do parlamentar poderia dedicar o espaço da vice na majoritária para atender esse desejo. Caso se concretize o movimento, o nome cotado para o posto seria o do deputado federal Paulo Rubem Santiago (PDT).

Historicamente, os pedetistas têm marchado com o PSB em Pernambuco. Nas eleições de 2006 e de 2010, a vaga de vice na chapa encabeçada pelo governador Eduardo Campos (PSB) foi ocupada por um representante do PDT. João Lyra Neto, que acabou migrando no ano passado para o próprio PSB com vistas à atual disputa sucessória, foi o escolhido nas duas oportunidades. Entretanto, a perda do espaço ainda reverbera negativamente na cúpula pedetista.

“A saída do João Lyra foi muito cordial e elegante, mas o partido perdeu um espaço importante e não houve nenhuma compensação (por parte do governador Eduardo Campos) por conta disso. Toda legenda sempre está disposta a discutir composições que lhe garantam espaços, ainda mais em alinhamento com a sua orientação nacional”, indicou um importante integrante da direção nacional do PDT.

Contudo, o eventual ingresso pedetista na coligação encabeçada pelo senador Armando Monteiro Neto não se restringiria à possibilidade da indicação da vice. O PDT faz a leitura de que, na Frente Popular de Pernambuco, é muito difícil para o partido reeleger os dois deputados federais que possui no Estado, Wolney Queiroz e Paulo Rubem. Participando de uma chapa com um número menor de candidatos com alta expectativa de votação, a legenda teria mais chances de manter a sua representação. E, com ela, o tempo de TV e os recursos do Fundo Partidário – ambos utilizam o quantitativo de deputados como suas bases.

Caixa é investigada pelo Ministério Público Federal

 

O Ministério Público Federal no Distrito Federal (MPF/DF) vai investigar se houve irregularidade, por parte da Caixa Econômica Federal, no encerramento de 525 mil contas de poupança e no lançamento do saldo delas — de R$ 719 milhões — como lucro no balanço de 2012 da instituição financeira. A averiguação acontece, paralelamente, nos âmbitos civil e criminal.

O inquérito civil tem prazo de um ano, prorrogável por igual período, para ser concluído. Criminalmente, as apurações ocorrem somente no âmbito do Ministério Público, por 90 dias, mas pode haver prolongamento indefinidamente. A assessoria de imprensa do MPF, no entanto, não descarta a possibilidade de o processo se transformar em inquérito policial.

O objetivo da investigação, segundo nota do ministério, é “esclarecer se a Caixa descumpriu regulamentações legais do Conselho Monetário Nacional (CMN) e do Banco Central (BC) e apurar a veracidade das informações prestadas pelo banco ao consumidor”. O MPF deve ainda avaliar a repercursão do resultado contábil repassado ao Tesouro Nacional e na participação de lucros e resultados dos empregados. Como o governo é o acionista controlador da instituição financeira, o Tesouro Nacional embolsa parte do lucro dela e, portanto, fica com uma parcela do dinheiro confiscado.

''Paguei R$ 200 mil de propina ao ministro Lupi''




Declaração bombástica é da empresária Ana Cristina Aquino, em entrevista à revista Istoé, na edição que chega, neste final de semana, às bancas. Ela denuncia esquema no Ministério do Trabalho de pagamento de propina para criação de sindicatos, setor que movimenta R$ 2 bilhões por ano. Ana é dona de duas transportadoras, a AG Log e a AGX Log Transportes, e durante três anos fez parte da máfia que agora denuncia. Ela envolve não apenas o ex-ministro do Trabalho, Carlos Lupi, comandante do PDT, no esquema, como também o atual responsável pela pasta, Manoel Dias. Lupi deixou o cargo em 2011, justamente por envolvimento em caso de corrupção com criação de sindicatos

Do portal BR 247

Uma esquema de corrupção para criação de sindicatos no Ministério do Trabalho, que envolveu pagamento de propinas para o ex-ministro Carlos Lupi e o atual responsável pela pasta, Manoel Dias, é denunciado na mais nova edição da revista Istoé, que chega, neste final de semana, às bancas. O ministério é comandado pelo PDT. A reportagem publica denúncia feita por uma empresária, Ana Cristina Aquino, que diz ter pago R$ 200 mil a Lupi.

Ana Cristina é dona de duas transportadoras, a AG Log e a AGX Log Transportes, e durante três anos fez parte da máfia que agora denuncia. A Polícia Federal em Minas Gerais já tem indícios de que suas empresas serviam como passagem para o dinheiro usado no pagamento das propinas para a criação de sindicatos. Em apenas 24 meses, entre 2010 e 2012, a empresária trocou as dificuldades de uma vida simples pelo luxo de ter avião particular, helicóptero, uma mansão em Betim (MG) e até cinco carros importados na garagem, segundo relata a reportagem.

A revista ainda relata que após Lupi ser varrido do cargo durante a faxina que a presidente Dilma Rousseff começava a fazer no seu governo, justamente por envolvimento em denúncias de corrupção, que incluíam exatamente os processos irregulares de criação de sindicatos, o substituto dele, o deputado Brizola Neto (PDT-RJ), tentou colocar um freio na indústria dos sindicatos. Com a posse do atual ministro Manoel Dias, indicado por Lupi e leal às práticas do PDT, o esquema teria voltado a ocorrer.
Escrito por Magno Martins

Justiça decreta bloqueio de bens e quebra de sigilo da família Perrella

SENADOR, SEU IRMÃO E SEU FILHO SÃO ACUSADOS DE FIRMAR CONTRATOS SEM LICITAÇÃO COM O GOVERNO DE MINAS QUE BENEFICIARIA EMPRESA DA FAMÍLIA
MARCELO PORTELA - O ESTADO DE S. PAULO



BELO HORIZONTE - A Justiça mineira decretou o bloqueio de bens e a quebra dos sigilos bancário e fiscal de integrantes da família Perrella e de ex-diretores da Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig) no valor de R$ 14,5 milhões. A decisão judicial atendeu a pedido do Ministério Público Estadual (MPE) de Minas Gerais porque a juíza Rosimere das Graças do Couto, da 3ª Vara da Fazenda Pública e Autarquias de Belo Horizonte, entendeu haver de "indícios da prática de improbidade administrativa" em contratos firmados entre a Epamig e a Limeira Agropecuária e Representações Ltda., da família do senador Zezé Perrella (PDT-MG).


Além do senador, são acusados também seu filho, o deputado estadual de Minas Gustavo Perrella (SDD), um irmão de Zezé, Geraldo de Oliveira Costa, o filho dele, André Almeida Costa - que consta como representante da Limeira - e ex-dirigentes da autarquia mineira. Eles são acusados de firmarem "contratos, convênios e termos de parceria" sem licitação por meio dos quais a Epamig fornecia uma série de "sementes especiais" para serem plantadas em uma propriedade da Limeira.


Como o Estado mostrou na edição de domingo (19), as sementes eram fornecidas pela autarquia "sem ônus para o parceiro" e depois a própria Epamig comprava a produção da empresa da família Perrella para que os alimentos - feijão, milho, arroz e sorgo - fossem usados no programa "Minas Sem Fome". Segundo o MPE, a autarquia ainda fornecia técnicos para acompanharem o cultivo na empresa acusada.


Na ação, o Ministério Público ressaltou que os contratos, fechados entre 2007 e 2011, eram ilegais porque a Limeira era dirigida por Zezé Perrella quando ele ocupava uma cadeira na Assembleia Legislativa de Minas e depois passou a ter Gustavo Perrella como um dos donos - em sociedade com a irmã Carolina Perrella e André Costa. Pela legislação federal e estadual, Zezé e Gustavo "impedidos de contratar com o poder público" por serem parlamentares.


Tanto a assessoria da Limeira quanto da Epamig alegaram que os contratos eram legais porque obedeciam às "cláusulas estabelecidas e as exigências da empresa". A Epamig ainda justificou a dispensa de licitação com o argumento de que se tratava de pesquisa e para que os alimentos produzidos com as sementes especiais "chegassem aos produtores rurais".


"Entendo que parte das medidas requeridas pelo Ministério Público devem ser deferidas para garantia do processo instaurado e eventual ressarcimento ao erário", afirmou a juíza. Para a magistrada, os indícios de improbidade justificam "a decretação da quebra dos sigilos bancário e fiscal" dos réus entre 2007 e 2012, bem como a notificação de cartórios para que "anotem a indisponibilidade de bens existentes em nomes dos requeridos". Por meio de nota, a assessoria da família Perrella informou que já "sendo providenciado" recurso para tentar cassar a liminar.


A nota ressalta que Zezé Perrella está "totalmente tranquilo" porque "todo o procedimento realizado entre a empresa de sua família e a Epamig sempre esteve pautado nas normas legais, não havendo qualquer ilegalidade que denote improbidade administrativa, conforme será demonstrado ao longo do processo". Além de Gustavo e Zezé Perrella, são réus no processo um irmão do senador, Geraldo de Oliveira Costa, o filho dele, André Oliveira Costa - como representante da Limeira -, e os ex-diretores da autarquia Baldonedo Arthur Napoleão e Antônio Lima Bandeira. Os dois últimos não foram encontrados e ainda não constituíram advogados na ação.


Relembre. O helicóptero, registrado em nome da empresa da família - Limeira Agropecuária e Participações Ltda. -, foi apreendido em 24 de novembro passado no município de Afonso Cláudio (ES). Quatro pessoas foram presas em flagrante com 445 quilos de cocaína, incluindo o piloto Rogério Almeida Antunes, então funcionário da Limeira e da Assembleia Legislativa de Minas, indicado pelo filho do senador, o deputado estadual Gustavo Perrella (SDD). Logo após ser preso, ele declarou que a família não tinha relação com a droga apreendida. No dia seguinte, o superintendente da PF no Espírito Santo, Erivelton Leão de Oliveira, deu declarações inocentando os políticos

Passando para desejar a todos leitores deste Blog um belo final de semana!!!

Caminhada pela feira livre e alguns estabelecimentos comerciais de Jataúba










































Fotos Collar Blog Jataúba News

Obras sendo inspecionadas em Jataúba




Ao lado de seus vereadores, o líder politico Mamão juntamente com os deputados Diogo Moraes e João Fernando (PSB) o vice prefeito Luzimário e a secretária  Andreia, foram ontem onde está sendo construído os alojamentos dos trabalhadores que irão trocar toda encanação da cidade e também a implantação dos canos nos bairros que ainda não tem, como foi falado em uma matéria anterior esta obra terá um prazo de dez meses para que seja concluída.











Collar Blog Jataúba News

Google pagará R$ 25 mil por tirar foto de menor pernambucana enquanto trocava de roupa




O Google Brasil foi condenado a pagar R$ 25 mil por danos morais por ter exposto uma jovem menor de idade trocando de roupa no seu serviço Google Street View. A decisão foi proferida pelo juiz da 2ª Vara Cível da Capital, Rogério Lins e Silva, informou nesta sexta (24) o Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE). A empresa ainda pode recorrer.

Segundo os autos, a jovem trocava de roupa quando foi fotografada na rua. A imagem tornou-se de conhecimento público e, segundo a ação, vem causando danos a morais a vítima, que é motivo de chacotas entre colegas da escola desde o momento da veiculação. A autora alega que “o fato abalou a sua integridade psíquica e moral, violando o seu desenvolvimento sadio como pessoa”. O episódio aconteceu em 2012, ano em que o Google passou a monitorar as ruas do Grande Recife. No dia 30 de outubro desse mesmo ano, a autora conseguiu na Justiça uma liminar determinando a retirada da imagem do sistema Mapas de Rua, sob pena de multa diária fixada em R$ 10 mil.

Na sentença proferida pelo magistrado na última segunda-feira (20), a Google Brasil afirmou que cumpriu a decisão liminar e explicou as linhas gerais da Política de Privacidade do Sistema Google Street View, alegando que as imagens capturadas são somente aquelas de acesso público, ou seja, imagens semelhantes a que são vistas ao caminhar ou andar de carro pelas ruas. A empresa ainda informou que o usuário pode solicitar o efeito de borra em rostos e placas de veículos, sendo facultado também a remoção de fotos que mostrem o usuário, membros de família, seus carros e casas, explicando que a autora nunca se utilizou da ferramenta “informar problemas”.

A Google ainda afirma que não houve qualquer conduta danosa já que a autora não provou qualquer alegação de danos sofridos perante sua comunidade. Alega ainda que há excludente de responsabilidade sua, pois fotografou o que qualquer pessoa viria se passasse pela rua naquele momento.

O juiz Rogério Lins e Silva afirmou. “Aqui, vale ressaltar que a autora não necessitaria ter requerido administrativamente a retirada do conteúdo do site, como afirma a demanda, pelo fato de que a conduta por si só já produziu danos, não podendo o Judiciário negar proteção a direito lesionado ou ameaçado.” E completa: “É importante refutar também o argumento da empresa demandada segundo o qual qualquer pessoa que passasse pela rua naquele momento poderia ter observado a menor naquela situação. Primeiro porque ainda que fosse verdade, isso não lhe daria o direito de veicular para todo o planeta dita imagem, pois se trata de intimidade de menor, a qual deve ser protegida de forma especial. Finalmente porque não é verdade o que afirma o demandado.”

O magistrado ainda escreveu: “É importante ressaltar que houve violação clara e direta a três direitos da menor demandante. À imagem, porquanto teve uma fotografia sua veiculada para todo o planeta. À intimidade, pois tal veiculação ocorreu em um momento no qual trocava de roupa. À privacidade, pois a fotografia expôs a autora e sua família para todo o mundo.” E concluiu. “Ainda, atingiu tanto a moral interna, como a externa da criança. A externa, pois causou constrangimentos à mesma perante sua comunidade, notadamente na escola em que estuda. A interna, pois feriu a autoestima da menor, causando-lhe dor moral.”

MundoBit

Programa cresce pernambuco desta sexta foi na Radio Jataúba FM




Cesar Melo como sempre seguro em suas perguntas, conduziu super bem esta entrevista realizada na radio Jataúba FM



Diogo Moraes: O deputado Diogo Moraes veio à Jataúba prestigiar o início de mais uma obra, como um dos representantes do Governador Eduardo Campos do PSB que é presidenciável, Diogo falou que esta obra é de suma importância para Jataúba, e aproveitou o momento para dar aquela alfinetada nos seus adversários, “Não sou um deputado copa do mundo não, que só aparece de quatro em quatro ano, sou sempre presente a este povo, sempre que posso estou aqui para ajudar os mais necessitados não é à toa que na eleição passada fui bem votado aqui nessa terra, e a melhor maneira de retribuir é com trabalho e muita luta por este povo de Jataúba”.



Mamão: “estamos trazendo mais uma grande obra para o povo de Jataúba, graças a Deus com a determinação do governador de Pernambuco Eduardo Campos-PSB, estamos trazendo mais esta obra, obra essa que irá beneficiar toda uma Jataúba, são as trocas dos canos de amiantos pelos de PVC, e também será feita as encanações nos seguintes bairros, Seu Teté, Bom Jesus, Cohabinha e Bairro Branco, assim serão todos os bairros beneficiados, uma luta que tanto insisti e agora esta sendo concretizada para beneficiar nossa Jataúba.



Fernando Coutinho: “Me sinto surpreso porque a empresa fechou o contrato e não veio fazer esta obra, espero que isso não tenha ocorrido por causa de politicagens por que quem saiu perdendo foi o povo de Jataúba, me sinto muito prazeroso em está aqui presente de pessoas como o líder político Mamão e seus vereadores, o Deputado Diogo Moraes, e o vice prefeito Luzimário, vai ser com esse povo que aqui estar que vamos transformar Jataúba em um verdadeiro canteiro de obras, trazendo melhorias para este povo.



Andréia “segundo a secretária Andréia”, onde vai ser construído o reservatório D’água, irá suprir muito bem à cidade de Jataúba, nos bairros de maior elevação a água chegará com a mesma facilidade, porque esses novos canos nessa nova caixa reservatória ira abastecer Jataúba com uma facilidade bem mais tranquila, nessa ampliação terá cerca de três mil ligações, esta obra tem um prazo de dez meses para o término sendo que não aja nem um imprevisto para que seja concluída no prazo determinado.



Eduardo de Matos: “Eu posso falar muito bem desta obra, desde que Mamão foi à procura deste benefício para essa terra, eu estive presente lutando ao lado de Diogo Moraes, João Bosco, Sergio Murilo, Roberto Tavares e Oséas, são estas pessoas que sempre estavam lutando pra que esse projeto saísse da mesa e fosse colocado em prática, por isto também estou me sentindo realizado nesse momento me sinto um verdadeiro Jataubense”.



Chico de Irineu: “Esta obra está vindo para que esse povo sofredor de Jataúba amenize estes gastos, onde se compra um carro D’água caríssimo ao custo de R$ 100,00 (cem reais), às vezes até tirando o pão de cada dia de suas respectivas famílias, tudo isso para que tenha o precioso líquido em suas casas, espero com isso tudo que vai ser feito em nossa cidade seja o ponta pé inicial de tantos e tantos problemas a serem resolvidos para este povo que tanto sofre e tanto luta por uma vida mais digna”.



Firoca: Com sua humildade de sempre Firoca deu as boas vindas a Fernando Coutinho, demonstrando total apoio em sua pré-candidatura a Deputado Federal e aproveitou o espaço mais uma vez para dar aquela alfinetada no Deputado federal Jose Augusto Maia, o mesmo que ele apoiou na eleição passada,"O mesmo chegou a ter aqui quase dois mil votos, mais por ser um deputado totalmente ausente de nossa Jataúba, não mais mereceu meu apoio, estou agora firme e forte com o grupo de oposição este grupo que sempre vem mostrando uma luta incessante por uma Jataúba melhor".



Zuza do Jacu: Zuza falou nas dificuldades, que o povo vem enfrentando, e na sua luta que foi para chegar a ser vereador, foram percorridos 20 anos lutando e sempre trabalhando ao lado do povo, “Sou um cara de opinião própria tenho vários requerimentos principalmente para Vila do Jacu, e pediu mais agilidade no posto de saúde que já fez aniversário de paralisação e para o prédio do SAMU que agora serve para ser garagem de populares”.



Luzimário: Foi perguntado ao vice-prefeito sobre seu rompimento com o prefeito Antônio de Roque, o mesmo foi simples e categórico. “Não foi rompimento e sim eu fui praticamente expulso do grupo de situação, logo após sermos eleitos o Sr. Prefeito não quis me ajudar em nada, não me ajudar! E sim pra mim ajudar o povo, por isso me sentir totalmente excluído do grupo ai foi onde resolvi aderir o grupo de Mamão e os demais que fazem oposição, fiz a escolha em votar em João Fernandes e Diogo, porque antes eu votava em Bruno Araújo votava por votar até porque ele nunca fez nada por nosso povo, é um deputado que só aparece na hora do voto”.

Confira o audio da entrevista.

Por Collar Blog Jataúba News