quinta-feira, 12 de setembro de 2013

Pastor Marcos Pereira é condenado por estupro.

O pastor, mais magro e abatido, durante uma uma audiência em junho deste ano

Preso desde o dia 8 de maio, em Bangu 2, no Complexo de Gericinó, na Zona Oeste do Rio, o pastor Marcos Pereira foi condenado a 15 anos de prisão no processo movido por seis fiéis que o acusam de estupro. A condenação partiu da 2ª Vara Criminal da Comarca de São João de Meriti, do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro.

Os crimes

Uma das vítimas contou que foi estuprada dos 14 aos 22 anos, e outras três disseram que também foram atacadas quando ainda eram menores de idade. As orgias aconteciam, segundo Márcio Mendonça, tanto na igreja quanto no apartamento do pastor, na Avenida Atlântica, em Copacabana, Zona Sul do Rio. Segundo os autos, o crime aconteceu no final de 2006. O imóvel custa R$ 8 milhões. Além de ser acusado por abuso sexual, o líder da igreja Assembleia de Deus dos Últimos dias, também é citado em um suposto envolvimento com tráfico de drogas, associação para o tráfico e lavagem de dinheiro.

Na época em que o pastor Marcos foi preso, o delegado Márcio Mendonça, titular da Delegacia de Combate às Drogas (Dcod) descreveu a dinâmica dos estupros: o pastor permanecia no gabinete dele e ligava para as vítimas, pedindo que elas tivessem um momento a sós com ele. Após fechar as portas, o pastor tentava convencer as vítimas a fazer sexo com ele. Quando elas reagiam, ele usava a força. Uma das seis vítimas afirmou que foi estuprada após o pastor ligar pedindo que ela levasse um café em sua sala. As vítimas eram fiéis da igreja, que iam até a Assembleia de Deus dos Últimos Dias, em São João de Meriti, na Baixada Fluminense, fazer um trabalho voluntário.

No dia 22 de maio, o EXTRA publicou escutas “picantes” do pastor com suas fiéis. Em uma das quatro conversas a que o EXTRA teve acesso com exclusividade, o pastor, antes de se despedir de uma fiel que falava com ele do seu celular de seu carro, avisa: "Tô com saudade do seu rabo". Marcos foi preso no último dia 8 acusado de dois estupros de fiéis. A polícia ainda investiga se o pastor estuprou outras 20 mulheres que moravam na igreja.


Leia mais: http://extra.globo.com/casos-de-policia/pastor-marcos-pereira-condenado-por-estupro-9934380.html#ixzz2ejFUJths

Tribuna do leitor.

   Leitor procura nossa equipe para mostra o descaso que ta acontecendo na Academia da Cidade entre entulhos  matos e lixo é assim que a mesma se encontra segundo o leitor já foi procura os responsáveis pela Academia mais ainda não foi solucionado o problema. Ai entrou em contato com nosso blog pra ver se chega aos olhos dos responsáveis e que tudo isso possa ser resolvido o mais rápido possível.




Escrito por collar.

Fale o que tiver de errado aqui


Mais médicos: apenas 47% dos profissionais brasileiros se apresentaram




A um dia do fim do prazo para se apresentarem aos municípios onde trabalharão por meio do programa Mais Médicos, apenas 47% - 511 profissionais em um universo de 1.096 - dos profissionais brasileiros já iniciaram suas atividades nas unidades básicas de saúde. O balanço, feito com base nas informações prestadas pelas prefeituras ao Ministério da Saúde, foi apresentado nesta quarta-feira (11) pelo ministro Alexandre Padilha.

Desde o dia 2 de setembro até a manhã desta quarta (11), só 216 municípios e quatro distritos de saúde indígena relataram o início da atuação dos médicos brasileiros, de um total de 453 prefeituras e 34 distritos indígenas. Ou seja, só 46% das localidades apontadas – 220 de um total de 487 – já contam com estes profissionais compondo equipes de Atenção Básica.

Neste período, 127 médicos brasileiros já pediram, diretamente ao Ministério da Saúde, desligamento do programa. Quem não se apresentar até esta quinta (12), entre os demais 458, será excluído do programa e se tornará impedido de uma nova seleção pelos próximos seis meses.

"Este quadro reforça o diagnóstico do drama que vivem os municípios e estados quando fazem uma seleção pública para médicos: nem todos aparecem para começar o seu trabalho. Vamos procurar repor, com brasileiros ou estrangeiros, estas vagas para garantir atendimento aos milhões de brasileiros que esperam ser atendidos", avaliou Padilha.

Segundo o ministro, a exigência de cumprimento das 40 horas semanais de trabalho para os profissionais do programa ajudará a aumentar o respeito ao tempo de dedicação dos demais profissionais da atenção básica. "Alguns profissionais compareceram, mas quiseram negociar a carga horária de trabalho, e isso nós não vamos admitir. Não podemos aceitar quem só quer trabalhar um ou dois dias por semana ou sair de férias três dias após o início do programa", assegurou o ministro.

ilma pode pedir a Eduardo que PSB saia do governo


Chega ao ponto de ebulição as relações da presidente Dilma com o governador Eduardo Campos, tudo pelo posicionamento dúbio do governador em torno de seu apoio -- ou não apoio -- ao governo do qual diz fazer parte. Avolumam-se as informações na mídia sobre a insatisfação e até mesmo rebelião da base de Dilma para com a presença dos aliados de Eduardo no governo sem uma defesa firme da presidente. E os exemplos em torno do assunto se espalham pela mídia.

Diz, por exemplo, Luiz Carlos Azedo na sua coluna do Correio Braziliense que o discurso de balanço do ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra anteontem, na assinatura do termo de compromisso do Programa Água para Todos foi considerado uma despedida do PSB do governo.''A presidente Dilma não esconde mais a insatisfação com o governador de Pernambuco.''

Ainda em torno do assunto Eduardo Carmpos e sua candidatura pesidencial, diz Julianna Granjeia, no blog Poder Online, que o vice-presidente nacional do PT, Alberto Cantalice, criticou duramente Eduardo Campos, em seu Twitter nesta quarta-feira (11).

QUINTA COLUNA

''Até quando assistiremos o Eduardo Campos ficar minando a base aliada por dentro? Tem que dar um basta nessa indefinição. Eduardo Campos que siga seu caminho, desde agora. Não dá para aceitar, eles atuarem com quinta colun'', escreveu em sua página da rede social, o vice-presidente petista.

Lembra a colunista que Eduardo retomou sua agenda de viagens pelo país em agosto. Aos poucos, seu discurso crítico ao governo da presidente Dilma Rousseff vem aumentando e incomodando os petistas. Além disso, em agosto, Campos se reuniu com o senador Aécio Neves (PSDB-MG), o que também despertou a fúria do PT.

Escrito por Magno Martins

Esclarecimento à população de Jataubense.

  Até Agosto Jataúba recebeu 12.149,09 sendo 6.331.053.29 para  a Educação e 3.798.631.97 para pagamento de professores, supervisores e coordenadores.


Click na imagem para que ela amplie mais.




Email enviado pelos os professores de jataúba. para o Blog Jataúba News.