sexta-feira, 24 de junho de 2016

Morre vereador de Santa Maria do Cambucá após dois meses no Hospital da Restauração


Na tarde desta sexta-feira (24) faleceu no Hospital da Restauração (HR) no Recife, o ex-presidente da Câmara de Vereadores do município de Santa Maria do Cambucá, Jorge Lima (PSB). Ele foi vítima de uma tentativa de homicídio ocorrida no último dia 1º de maio.

Na oportunidade, o ex-vereador estava de carro e foi abordado por duas pessoas que se aproximaram do mesmo e um deles efetuou vários disparos. Jorge foi atingido em várias partes do corpo, inclusive na cabeça.

Jorge foi socorrido em estado grave pelo Samu e levado ao hospital municipal da cidade de Surubim e em seguida, transferido para o Hospital da Restauração, em Recife, onde lutava contra a morte, porém não resistiu e faleceu.

No Hospital da Restauração, Jorge passou por três cirurgias, mas desde a internação seu estado era considerado grave. Na tarde desta sexta-feira, Jorge teve uma parada cardíaca e não resistiu. Segundo a assessoria de comunicação do centro médico, o óbito foi confirmado às 16h45.

Investigação:

Poucos dias após a tentativa de homicídio, a Polícia Civil prendeu um dos suspeitos de cometer o crime. Ronaldo dos Santos Lima (29 anos), foi localizado na própria cidade e encaminhado para o presídio de Santa Cruz do Capibaribe.

No dia 6 de maio, o retrato falado do segundo suspeito de tentar matar o vereador foi divulgado. Pela descrição apresentada pelo delegado Júlio Porto, responsável pelo caso, o homem apresenta pele morena clara, aparenta ter 25 anos e 1,65 m de altura. A Polícia Civil chegou ao desenho após ouvir algumas testemunhas do crime.

Blog do Ney Lima

Operador de som morre vítima de acidente em Taquaritinga do Norte



Na manhã desta sexta-feira (24), um acidente na PE-130 às margens do KM 12, caminho que dá acesso ao município de Taquaritinga do Norte resultou na morte de Leonardo Macedo, conhecido por “Léo Mecânico” ou “Léo do Som” (31 anos).



Segundo informações, a vítima estava em uma moto Biz e se dirigia do município de Santa Cruz do Capibaribe para a Dália da Serra, após trabalhar no São da Moda, quando atingiu na lateral de um caminhão caçamba da Prefeitura da Dália da Serra.

No ocorrido, a moto ficou parcialmente destruída e a vítima não resistiu aos ferimentos e faleceu no local.

Léo era filho de Leonides, que já foi vereador e secretário de obras de Taquaritinga. Ele também prestava serviços para alguns músicos santa-cruzenses e em diversos eventos na região.

Blog do Ney Lima

Nota Oficial da Prefeitura Municipal sobre a ausência do cantor Pedrinho Pegação no São João da Moda



Em respeito ao público presente e à honra dos santa-cruzenses que não compactuam com acordos e contratos não cumpridos, a Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe cumpre etapas diárias de construção do São João da Moda, e em todas elas o profissionalismo e o respeito são fundamentais para seu sucesso.
Todas as fases de contratação do artista Pedrinho Pegação foram seguidas à risca pela coordenação do evento junto à produção do cantor e desde a manhã da quarta-feira sua equipe técnica esteve no Palco da Moda para que os equipamentos necessários fossem montados.
Contrato assinado e camarim preparado, a coordenação do São João da Moda monitorou o show do artista na cidade de Limoeiro-PE e passou a cobrar pressa a partir de quando teve conhecimento da hora de início do show naquela cidade. Foi trabalhado para que o show do cantor tivesse início 01h, porém ao não conseguir mais contato com sua produção, a partir das 0h30, foi elaborada uma estratégia que culminou no encerramento de shows às 02h45.

A coordenação do São João da Moda e a Prefeitura Municipal não podem aceitar a conduta da produção do artista, que em nenhum momento respeitou o público que o aguardava, nem respeitou o contrato assinado. Seja este ou qualquer outro artista, a Prefeitura continuará zelando pelo bem público e exigindo o respeito à população.

Assessoria de imprensa/Prefeitura Municipal

Criança é atingida por disparo de arma de fogo em Santa Cruz do Capibaribe



Na noite desta quinta-feira (23), uma criança de 1 ano e 3 meses recebeu um disparo de arma de fogo na altura da virilha. O fato aconteceu no bairro Dona Lica 2 em Santa Cruz do Capibaribe.

Segundo informações do tio da criança, o mesmo se encontrava na calçada com ela no colo, onde dois elementos desconhecidos chegaram em uma moto e um deles sacou de revólver e tentou atirar contra um jovem que passava a pé no local. Ao efetuar os disparos, eles erraram o alvo e a bala chegou a atingir a criança. Em seguida, os elementos fugiram do local.

A bala chegou a atingir nas nádegas sendo que transfixou na parte da virilha. Ela foi socorrida e conduzida para o Hospital Materno Infantil na Capital da Moda, onde recebeu os primeiros cuidados médicos e em seguida, aproximadamente uma hora após dar entrada, ela foi transferida por uma unidade do SAMU até o Hospital da Restauração na cidade do Recife.

Apesar da criança ter perdido muito sangue, o quadro dela é estável e não corre risco de morte.



Do Estação Notícias Fonte: Ney Lima



Contatos 081 3746-1186 Jataúba PE - Congo PB - São João do Tigre PB