quinta-feira, 25 de julho de 2013

Coisas da natureza......

Hoje o dia de festa é dele do amigo e leitor do blog Robson Silva (Robim da radio)





Uma das grandes bênçãos da vida é a experiência que os anos vividos nos concedem.
Aniversariar é uma amostra das oportunidades que temos de aprender a contar os nossos dias.
Hoje, mais um a janela se abre diante de seus olhos,
mais um espinho foi retirado da flor, restando apenas a beleza de tão bela data.

Os sintomas da felicidade se traduzem do otimismo, na fé,
na esperança tenho empenho por se ser melhor a cada dia.

Continue firme pelos caminhos da virilidade e suas verdades.

Continue trilhando pelos vales da vida, pois um dia encontrarás o mais belo jardim,
o jardim que representará a realização de seus maiores sonhos.

Que Deus te ilumine, todos os dias de sua vida.
Feliz Aniversário!



Esses são o desejos do Jataúba News.

Morre candeeiro último cangaceiro de lampião.



Morreu nesta quarta-feira o último cangaceiro do bando de Lampião, Manoel Dantas Loiola, de 97 anos, mais conhecido como Candeeiro. Ele faleceu na madrugada de hoje no Hospital Memorial de Arcoverde onde estava internado desde a semana passada, após sofrer um derrame. O sepultamento está marcado para as 16h, no cemitério da cidade de Buíque.
Pernambucano de Buíque (a 258 quilômetros do Recife), Manoel ingressou no bando de Lampião em 1937, mas afirmava que foi por acidente. Trabalhava em uma fazenda em Alagoas quando um grupo de homens ligados ao famoso bandido chegou ao local. Pouco tempo depois, a propriedade ficou cercada por uma volante e ele preferiu seguir com os bandidos para não ser morto.
No final da vida, atuava como comerciante aposentado na vila São Domingos, distrito de sua cidade natal. Atendia pelo nome de batismo, Manoel Dantas Loyola, ou por outro apelido: seu Né. No primeiro combate com os "macacos", quando era chamado de Candeeiro, foi ferido na coxa. O buraco de bala foi fechado com farinha peneirada e pimenta.

Teve o primeiro encontro com o chefe na beira do Rio São Francisco, no lado sergipano. "Lampião não gostava de estar no meio dos cangaceiros, ficava isolado. E ele já sabia que estava baleado. Quandosoube que eu era de Buíque, comentou, em entrevista concedida ao Diario em 2018: 'sua cidade me deu um homem valente, Jararaca'".
Candeeiro dizia que, nos quase dois anos que ficou no bando, tinha a função de entregar as cartas escritas por Lampião exigindo dinheiro de grandes fazendeiros e comerciantes. Sempre retornava com o pedido atendido. Ele destaou que teve acesso direto ao chefe, chegando a despertar ciúme de Maria Bonita. Em Angicos, comentou que o local não era seguro. Lampião, segundo ele, reuniria os grupos para comunicar que deixaria o cangaço. Estava cansado e preocupado com o fato de que as volantes se deslocavam mais rápido, por causa das estradas, e tinham armamento pesado.

No dia do ataque, já estava acordado e se preparava para urinar quando começou o tiroteio. "Desci atirando, foi bala como o diabo". Mesmo ferido no braço direito, conseguiu escapar do cerco. Dias depois, com a promessa de ser não ser morto, entregou-se em Jeremoabo, na Bahia, com o braço na tipóia. Com ele, mais 16 cangaceiros. Cumprindo dois anos na prisão, o Candeeiro dava novamente lugar ao cidadão Manoel Dantas Loyola. Sobre a época do cangaço, costumava dizer que foi "história de sofrimento".
Diário de Pernambuco


Segundo Odilon Pimentel, 31 anos, que é morador de Guanumbi, Candeeiro era muito conhecido, trabalhava numa "bodega", mas com a idade que tinha, vivia tranquilo, na porta de casa. "Em 2002, um meio de comunicação o levou de helicóptero para encontrar um policial que fazia parte da volante que matou Lampião. Eles apertaram as mãos, esqueceram tudo que passou", comenta Pimentel. O cangaceiro contava pela cidade que era caçador do bando e só não foi morto porque saiu para buscar água.

Animal em forma de lobisomem ataca pessoas sem dó.

X

Um suposto Lobisomem está aterrorizando o bairro da estiva na zona rural de São Luís. Existem muitas pessoas que afirmam já ter visto o suposto monstro e pessoas que já foram atacadas por ele. O fato é que isto vem tirando o sono de toda população do bairro há cerca de duas semanas e as autoridades não tem dado o devido valor ao caso devido a precariedade do sistema de segurança do Maranhão.
O pescador Malaquias Freire, de 57 anos, contou que seu filho Aldanirã Sousa, de 29 anos, teria sido atacado pelo bicho na noite da última terça-feira, 2, quando vinha da casa da namorada: “Meu filho vinha da casa da namorada dele lá pelas 10 horas da noite. Ele disse que quando passou perto da estrada de ferro ouviu um berro vindo de dentro de um bananal. Quando parou para olhar, um bicho parecido com um grande cachorro peludo pulou de dentro do mato e pulou pra cima dele. Foi aí que ele correu”, relata o pescador.

“Meu filho é uma pessoa que não bebe e nem anda mentindo por aí. Acredito que ele esteja falando a verdade. Se ele disse que viu o monstro, é porque alguma coisa ele viu mesmo”, completa.

O mecânico Luis Fernando da Silveira, de 37 anos, diz que acredita que possa ser possível tratar-se de um louco ou de algum animal selvagem, mas para ele o que anda assustando os moradores é um lobisomem mesmo: “O monstro começou a aparecer no tempo da lua cheia, e então acho que é um lobisomem, apesar de ainda não ter visto”, afirma.

Enquanto alguns vão dormir mais cedo por medo de ver o possível monstro, outras pessoas ficam até altas horas da noite vagando pelas ruas. Armadas com espingardas e tochas incandecentes estas bravas gentes brasileiras se aventuram na madrugada com a esperança de acabar com o maligno ser comprovando que o mito trata-se da mais pura realidade. Esse é o caso das jovens J. Pereira, de 18 anos e K. Santos, de 16. Elas acompanham seus pais nas "caçadas ao lobisomem" carregando tochas pois segundo a crença dos moradores locais, o lobisomem teme o fogo assim como a luz do dia. “A rezadeira diz que é alguém que sabe de alguma reza para virar bicho. Nós queremos salvar a alma desta pessoa para que ela possa descansar ao lado de Deus e longe do domínio das trevas". contam as jovens corajosas.

Dilma veta fim de multa adicional de 10% sobre FGTS


A presidente Dilma Rousseff (PT) vetou o projeto de lei que extinguiria a contribuição social devida pelas empresas quando demitem trabalhadores sem justa causa. Em mensagem publicada no Diário Oficial da União desta quinta-feira (25), ela justifica que o projeto é contrário ao interesse público porque reduziria em R$ 3 bilhões por ano a receita do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS).

Instituída por uma lei complementar em junho de 2001, a contribuição, na prática, elevou a multa paga pelas empresas nas demissões sem justa causa. Elas pagavam 40% e passaram a pagar 50% sobre o valor dos depósitos feitos na conta de FGTS do trabalhador demitido ao longo da duração do contrato de trabalho.

As pessoas demitidas continuaram a receber apenas os 40%. O adicional de 10% foi criado para ajudar a financiar os chamados créditos complementares do FGTS, cujo pagamento foi determinado pelo Supremo Tribunal Federal, após anos de briga judicial entre governo e entidades sindicais. Com esse reforço, a Caixa Econômica Federal conseguiu ressarcir aos trabalhadores que tinham saldo de FGTS na época a correção monetária expurgada pelos planos econômicos Verão (16,64%, em janeiro de 1989) e Collor I (44,8%, em abril de 1990).

A sanção do projeto aprovado pelo Congresso “levaria à redução de investimentos em importantes programas sociais e em ações estratégicas de infraestrutura, notadamente naquelas realizadas por meio do Fundo de Investimento do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço - FI-FGTS. Particularmente, a medida impactaria fortemente o desenvolvimento do Programa Minha Casa, Minha Vida, cujos beneficiários são majoritariamente os próprios correntistas do FGTS”, justificou a presidente Dilma em sua mensagem de veto.

Ela argumentou ainda que a proposta não foi acompanhada de estimativa de impacto orçamentário-financeiro e das devidas medidas para compensar esse impacto, como exige a Lei de Responsabilidade Fiscal nesses casos.

Escrito por Magno Martins

Ontem o dia de festa foi pra esse grande amigo e conterrâneo do sitio Riacho do Jacu Chico do forro.



Hoje peço ao Todo Poderoso que cada caminho que você tomar se torne livre de obstáculos, que cada passo que você dê seja em direção ao sucesso e cada fôlego seja inspirado pela Bíblia.
Deus sempre abençoa as pessoas genuínas, humildes e boas como você. E hoje, é provável que as bênçãos sejam em dobro já que é seu aniversário! 
A luz do sol que brilha hoje em seu rosto vai lhe trazer as bênçãos do Senhor.
 Aproveite o seu dia especial!Que todos os seus desejos se tornem realidade! Um dia fantástico para você!

MP pede que multas de guardas municipais sejam canceladas em Santa Cruz do Capibaribe



Foto: Arquivo

O Ministério Público em Santa Cruz do Capibaribe ajuizou uma ação civil pública contra a Prefeitura, o Estado de Pernambuco e o Detran/PE para que as multas aplicadas pela Guarda Municipal, desde o ano de 2008, sejam anuladas.

De acordo com a ação, impetrada pelo promotor Dr. Hodir Guerra, as instituições foram citadas por “omissão em fiscalizar/promover ações educativas no trânsito local” e, no caso da Prefeitura, do uso de funcionários públicos concursados realocados na guarda municipal, configurando o desvio de finalidade além de contratar temporariamente servidores para estas funções.

Na sua argumentação, o promotor lembra que a função da GM é proteção dos bens, serviço e instalações do município. E que já foi realizado um concurso público para agentes de trânsito, que continuam vagos.

O texto diz que “os servidores indevidamente contratados temporariamente, assim como aqueles que não ingressaram no serviço público, por não terem prestado concurso para tanto, como Guardas Municipais, não possuem competência para a aplicação das respectivas multas, por tantas vezes aplicadas no município de Santa Cruz do Capibaribe”.

Sendo necessária a “nulidade das respectivas multas aplicadas pelos Guardas Municipais investidos irregularmente nestes cargos, bem como a imposição de restituição das penalidades pagas aos respectivos interessados que demonstrem tal condição”.

A ação mostra ainda que, além do uso dos guardas para ações de fiscalização de trânsito, os agentes têm prestado “serviços para as instituições privadas, a exemplo do Condomínio Moda Center Santa Cruz” e que o Município não está integrado ao Sistema Nacional de Trânsito, sendo necessária a sua regularização, caso contrário, o Detran também será multado diariamente.

O promotor pede ainda que a guarda municipal seja impedida de realizar “atividades distintas da sua finalidade constitucional, sob a pena de multa diária e pessoal ao prefeito de Santa Cruz do Capibaribe”, no valor de R$ 415.

Além disso, é necessário que os servidores públicos que estejam exercendo a função de Guarda Municipal voltem aos seus devidos cargos. Também é solicitado ao governo municipal a realização de educação no trânsito, tendo em vista a enorme quantidade de infrações cometidas por adolescentes e os inúmeros acidentes de trânsito existentes na cidade.

Ao município cabe ainda a responsabilidade de “sinalizar as vias públicas locais, sobretudo quando é responsável pelos buracos e demais obstáculos que trazem risco á população”, ressalta a ação.

Fonte Ney lima 

Um musico e blogueiro de coração partido.

Vale a pena está em uma casa onde você não é respeitado?


Depois das eleições de 2012 hoje foi à primeira vez que encontrei com o Deputado Federal Zé Augusto Maia. No encontro casual, falei para ele que não tenho mais vontade de seguir seu grupo político, pois alguns dos seus cabos eleitoras e coordenadores de campanha andaram me hostilizando por eu ter votado e apoiado Hilário Paulo na eleição suplementar de Brejo da Madre de Deus. Desde 2004 sou eleitor de Brejo e há cinco anos acompanho a nação azul daquela cidade e não tenho e não quero ter qualquer ligação com Roberto Asfora.

Apesar de ser de família tradicional Cabecinha (Hoje Taboquinha), fui perseguido pela ex-secretária de educação na gestão passada, e fico triste também por saber que minhas músicas sempre embalaram as campanhas eleitorais de Zé, contribuíram para grandes vitórias e hoje sou desrespeitado por pessoas que para o grupo taboquinha são importantes. Como disse o próprio Zé “Águas passadas não movem moinhos” por tanto, vou procurar novas águas e fazer o moinho da minha vida mover em um ritmo acelerado ao som do meu grito de liberdade!

Brejo da Madre de Deus agora tem Farmácia do Trabalhador do Brasil


O Brejo da Madre de Deus está de parabéns com a inauguração da Farmácia do Trabalhador do Brasil, a maior rede de farmácia popular do país, aproveite para economizar de verdade na Farmácia do Trabalhador do Brasil, medicamentos a partir de R$ 0,19 (dezenove centavos), descontos de até 90% e parcelamento em até 10x nos cartões.

A Farmácia do Trabalhador do Brasil vender barato de verdade é o nosso principal objetivo, por isso cobrimos qualquer oferta na hora, não importa o valor, e comprando 3 caixas do mesmo medicamento contínuo, a 4ª caixa é grátis, Farmácia do Trabalhador do Brasil a rede de farmácia da população brasileira, sempre uma perto de você, Fica na Avenida Cleto Campelo no centro do Brejo da Madre de Deus.

Pesquise, compare, comprove e venha para Farmácia do Trabalhador do Brasil.

Vereador Jajá não deve perder mandato de parlamentar



Ele foi preso ontem sob acusação de ter comprado um carro roubado. Jajá está ocupando uma cela sozinho, na Penitenciária Juiz Plácido de Souza.

O processo contra o vereador Jajá (PPS), relata que o parlamentar teria comprado um carro roubado no ano passado e que o veículo teve o número do chassi alterado. O que, de acordo com o juiz Pierre Souto Maior se configura como crime de receptação e adulteração de sinal identificador de veículo automotor.

Ainda de acordo com o juiz, Jajá também é acusado de ter praticado outros dois crimes em 2005: falsificação de documento público e falsidade ideológica. O vereador estava respondendo em liberdade, mas os novos crimes foram agravantes para decretar a prisão. “O próximo passo e designar uma audiência para ouvir testemunhas, interrogar o acusado e no final sai a sentença que pode acusá-lo ou absorvê-lo” afirma, Pierre Souto Maior, juiz da 4ª vara criminal de Caruaru.

O vereador foi preso na tarde dessa segunda-feira (22). Ele estava inconformado com a decisão que veio da 4º Vara Criminal do Fórum de Caruaru. O parlamentar foi encaminhado à Penitenciária Juiz Plácido de Souza e ocupa sozinho uma cela. A determinação é prevista pelo artigo 295 do Código de Processo Penal, que estabelece essa condição especial para vereadores.

O advogado de Jajá disse que o parlamentar comprou o carro sem saber que o veículo era roubado. “Ele comprou o veículo de boa fé, com uma entrada de $40 mil, faltando apenas R$15 mil para ele pagar no prazo de sessenta dias. A pessoa que vendeu o veículo não compareceu para receber esse pagamento. Jajá foi até o Detran e verificaram que os números que estavam no documento batiam no sistema”, afirma o José Américo.

Na Câmara de Vereadores, uma comissão também se mobiliza para definir a situação do parlamentar. Porém, o secretário jurídico da casa, Bruno Martins, disse que a decisão só deve sair após a sentença final da Justiça.


Portal MaisAB.

OAB quer o “Eleições Limpas” aprovado para o ano que vem



A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) lançou oficialmente ontem em Pernambuco, no Tribunal de Contas do Estado (TCE-PE), o projeto de iniciativa popular, Eleições Limpas, que visa promover uma reforma política e eleitoral no Brasil. A entidade, que precisa arrecadar 1,6 milhão de assinaturas (1% do eleitorado brasileiro), pretende apresentar a proposta à Câmara dos Deputados até o início de agosto.

No dia 6 de agosto, a OAB vai realizar uma mobilização no Conselho Federal da entidade, em Brasília, para avaliar a campanha nacional, que iniciou em junho, e pressionar o Congresso Nacional a votar a reforma política. Durante o ato, a entidade vai contabilizar a quantidade de assinaturas e apresentará à Câmara dos Deputados.

Até o momento, já foram coletadas 100 mil assinaturas no País. Em Pernambuco, a meta é chegar a 300 mil, e cerca de 100 entidades ajudarão no processo de coletas. Além das bancadas montadas pela OAB, a população poderá votar na internet através do www.eleicoeslimpas.org.br. O presidente da OAB Seccional Pernambuco, Pedro Henrique Reynaldo Alves, aproveitou o ensejo para alfinetar o Congresso Nacional. “O Congresso diz ser o espelho da sociedade, mas este espelho está distorcido, em razão de um perverso sistema eleitoral, que não condiz com o meio adequado de representação da sociedade”, criticou Alves.

O projeto Eleições Limpas prevê três eixos: “financiamento democrático” (financiamento misto, sem empresa e com teto para doação), “voto transparente” (eleição em dois turnos: no primeiro, define quantos eleitos os partidos terão; e no segundo, os candidatos) e “maior liberdade de imprensa e na internet”. De acordo com o presidente do Conselho Federal da OAB, Marcus Vinicius Furtado Coêlho, o projeto visa “criminalizar a prática do caixa dois em campanhas, com penas de dois a cinco anos de reclusão, cassação imediata de quem praticar o ato e a proibição da empresa em contratar com o poder público por cinco anos”. Ainda segundo Furtado, a entidade propôs ao Supremo Tribunal Federal (STF) uma Ação Direta de Inconstitucionalidade (Adin) contra a doação por empresas de campanhas políticas.






Após a apresentação da campanha, a comitiva da OAB, liderada por Marcus Furtado e Pedro Henrique Alves, visitaram a Folha de Pernambuco e foram recebidos pelo presidente do Grupo EQM, Eduardo Monteiro, e pelo diretor-executivo do jornal, Paulo Pugliesi.