quarta-feira, 23 de março de 2016

Em Santa Cruz do Capibaribe prazo para recadastramento biométrico deve ser prorrogado


O prazo do recadastramento biométrico, que deveria se encerrar no próximo dia 31, deverá ser prorrogado para o dia 4 de maio. Diante disso, os que ainda não passaram por o procedimento terão mais um mês para ficar em dia com a Justiça Eleitoral. 

Segundo a Rádio Jornal, mais informações a respeito do recadastramento biométrico deverão ser divulgadas na próxima segunda-feira (28), pelo presidente do Tribunal Regional Eleitora de Pernambuco (TRE-PE), Antônio Carlos Alves, em coletiva de imprensa. 

Para a realização do procedimento, se faz necessário o agendamento, que pode ser realizado pelo site do TER – PE. Os eleitores que não se recadastrarem podem ter restrições no CPF, perder benefícios de programas sociais e deixar de fazer matrículas em instituições de ensino, obter passaporte e assumir cargos públicos. Vale salientar que, no caso dos eleitores que estão tirando a primeira via do título, o prazo vai até o dia 4 de maio.

Blog Direto ao Ponto



Musica de qualidade é aqui!!!

Ministério Público acusa comandante da Guarda Municipal de improbidade administrativa


Foto extraída das redes sociais

O Ministério Público de Pernambuco, através da promotora Natália Campelo, denunciou o comandante da Guarda Municipal, Edgard Marins, por improbidade administrativa. A ação também recai sobre a Prefeitura Municipal de Santa Cruz do Capibaribe e foi apresentada a justiça no mês de janeiro.

As acusações são referentes a supostos desvios de função impostos pelo Comandante Martins a alguns guardas municipais, além de excessos nas horas trabalhadas, quebrando o princípio de isonomia, segundo os autos.

Cinco guardas foram indicados como testemunhas no processo. Eles acusam o comandante de perseguição e uso da autoridade para constrangimento. De acordo com os agentes, o comandante costumava gratificar com dias de folgas guardas que atuavam em apreensões, o que seria ilegal.

Além da condenação do comandante da guarda por atos de improbidade administrativa, o Ministério Público pede também que a prefeitura crie órgãos de controle interno e externo, e proceda com a realização de concurso público para preenchimento de vagas.

No dia 25 de fevereiro, o juiz Carlos Neves Júnior atendeu parcialmente um pedido de liminar determinando a adequação da carga horária de trabalho dos guardas municipais, em 120 horas de folga para cada 24 horas trabalhadas.

O Ministério Público pediu também o afastamento de Martins do comando da Guarda Municipal, mas esse pedido não foi aceito pelo juiz.

Blog Ney Lima 




Jataúba tem o melhor para sua festa.

Número de casos suspeitos de Dengue, Zika e Chikungunya voltam a preocupar o Estado

Imagem meramente ilustrativa

As chamadas “Arboviroses”, doenças que são transmitidas através de mosquitos a exemplo da Dengue, Zika e Chikungunya, continuam a despertar preocupação em todo o Estado.

Segundo o boletim divulgado pela Secretaria de Saúde de Pernambuco, o número de notificações de casos com suspeita de Febre Chikungunya mais do que dobrou em menos de um mês. Os novos números apontam que, em todo o estado, 12.269 pessoas estão com suspeita de ter contraído a doença, número que até 01 de março chegava a pouco mais de 6 mil.

A situação ainda preocupa já que, além dos 228 casos de Chikungunya já confirmados (alguns deles na região), foram confirmados quatro casos de Zika Vírus esse ano. Em 2015, o número foi de 46 em 20 municípios. Outra doença que tem preocupado é a dengue. Até o momento, os números do boletim mostram o registro de 41.531 casos sob suspeita de dengue de janeiro até agora, que estão sendo investigados.

Isso resulta no aumento de 70,26% em comparação com o ano passado, quando houve 24.431 notificações.  Em Santa Cruz do Capibaribe, embora a quantidade de casos esteja sob controle, a situação ainda preocupa, sendo de fundamental importância o engajamento da população para acabar com os focos de procriação do mosquito Aedes aegypti, transmissor das 03 doenças. 

De acordo com dados do Ministério da Saúde, 80% dos focos estão dentro de ambientes domiciliares.

Blog Ney Lima 



Trabalhando por sua saúde