sábado, 10 de outubro de 2015

Caso Dengue, Zica ou Chikungunya leva TV fazer reportagem na capital da Cueca e da Calcinha


Vem aí no clube do Nina em Poço Fundo a noite dos corações apaixonados com Nico Batista e Bidinga do Acordeom

Homem foi encontrado morto dentro de sua residência na Cohab II em Belo Jardim


A GT 15111 do 15º BPM recebeu informações que no interior de uma residência na Cohab II, havia um mal cheiro forte. Ao chegar no local a PM invadiu a residência e encontrou a vítima José Edvaldo de Lima, 47 anos já sem vida, segundo seus vizinhos a vítima ingeria bebida alcoólica constantemente, e há três dias faltava ao trabalho. 

O corpo encontra-se enrolado com um lençol em uma cama, sem sinais aparentes de violência e em avançado estado de decomposição . GT 15111 no local aguardando Policia Civil. Provavelmente MORTE NATURAL. O corpo da vítima foi encaminhado ao IML.

Blog Paredão do Povo 



Fone 81 8235-7724 e peça a sua Pizza Org:  Geazir e Rose

Dólar cai quase 5% na semana e fecha no menor valor em 40 dias


Em queda pela segunda semana consecutiva, a moeda norte-americana fechou no menor valor em 40 dias. O dólar comercial encerrou esta sexta-feira (9) vendido a R$ 3,759, com queda de R$ 0,034 (-0,9%). A cotação está no menor valor desde 1º de setembro (R$ 3,689).

O dólar operou em queda durante todo o dia, mas com muitas oscilações. Na mínima do dia, por volta das 12h, chegou a ser vendido a R$ 3,726, mas o ritmo de queda diminuiu nas horas seguintes. A divisa tem queda de 5,21% em outubro, mas acumula alta de 41,4% em 2015.

Nesta sexta, o Banco Central (BC) continuou com o programa de rolagem de contratos de swap cambial (venda de dólares no mercado futuro), vendendo 10.275 contratos e rolando, até agora, 35% do lote total de US$ 10,278 bilhões que vence em novembro. Nessa operação, a autoridade monetária prorroga o vencimento dos papéis em circulação, sem leiloar novos contratos. Desde o fim de setembro, o BC não vende dólares das reservas internacionais com compromisso de recompra, quando o dinheiro volta para o banco depois de algumas semanas.

A cotação do dólar caiu em todo o planeta após a divulgação da ata da reunião do Federal Reserve (Fed, Banco Central norte-americano). No documento, integrantes do órgão informaram ser necessário esperar os efeitos da desaceleração da China antes de tomar alguma decisão quanto aos juros básicos dos Estados Unidos, atualmente no nível mais baixo da história, entre 0% e 0,25% ao ano.

A possibilidade de que o Fed adie o aumento de juros da maior economia do planeta desestimula a fuga de capitais de países emergentes, como o Brasil, para títulos do Tesouro norte-americano, considerados o investimento mais seguro do mundo. Os juros mais altos nos países emergentes ajudam a atrair capital financeiro, empurrando para baixo a cotação do dólar. (ABr)

Jornal do Commercio 



Aqui você tem o melhor atendimento!!!

CPI recusa depoimento de Lula e do filho


A Comissão Parlamentar de Inquérito que analisa as denúncias de venda de sentenças no Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf) negou a convocação do ex-presidente Lula e de seu filho, o empresário Luis Claudio Lula da Silva. As solicitações de convocação haviam sido feitas pelo presidente da CPI, senador Ataíde Oliveira (PSDB-TO). O argumento usado para a negativa foi o de que nenhum presidente ou ex-presidente foi convocado para depor em uma CPI. 

Autoridades americanas foram a Curitiba para negociar um possível perdão judicial aos envolvidos no esquema de propinas que ocorria na Petrobras em troca de informações. A atitude ocorreu porque muitos dos delatores têm bens nos EUA. Os americanos falaram com as defesas de Alberto Youssef; do ex-diretor Paulo Roberto Costa; de Eduardo Leite, da Camargo Corrêa; e de Julio Camargo, dono da UTC.

Blog do Magno Martins 


O point da Juventude Jataubense

Ministro diz que o TSE tem competência para cassar Dilma


Em resposta ao jurista Dalmo Dallari que afirmou em parecer encomendado pelo PT que o TSE não tem competência constitucional para cassar o mandato da presidente Dilma, o presidente da Corte, ministro Dias Toffoli, considerou esse ponto de vista “absolutamente equivocado”,

Segundo ele, a competência ao TSE foi dada pela Constituição e pelas leis eleitorais. Esse mesmo ponto de vista foi externado no Recife pelo advogado José Paulo Cavalcanti Filho.

Toffoli fez esta declaração em Washington onde participou de um seminário sobre o uso de tecnologia nas eleições.

Por 5 votos contra 2, o TSE decidiu na última terça-feira autorizar uma investigação nas contas de campanha da presidente Dilma Rousseff.

Caso o TSE chegue à conclusão de que foram usados recursos oriundos do esquema de propina da Petrobras, o Tribunal pode cassar o diploma da presidente e do seu vice Michel Temer.

Inaldo Sampaio 


Seu Gás acabou ligue (81) 8131-7065

Ex-prefeita é solta e vai para casa de tornozeleira


Após 11 dias presa, a ex-prefeita de Bom Jardim (MA), Lidiane Leite da Silva, de 25 anos, foi solta, na tarde desta sexta-feira (9), após ter obtido na Justiça Federal a revogação da prisão preventiva. Ela é investigada por desvios de verbas da educação e nega que tenha praticado o crime. Acompanhada do advogado, Lidiane já usava a tornozeleira eletrônica quando deixou o alojamento do Corpo de Bombeiros de São Luís, onde estava instalada mesmo sem possuir direito à cela especial. Abatida, ela evitou contato com a imprensa. Ela ainda seguiu para o Instituto Médico Legal (IML) para realizar exame de corpo de delito sendo liberada em seguida.

O juiz Magno Moraes explicou, em entrevista coletiva concedida nesta sexta-feira, que a ex-prefeita usará a tornozeleira e responderá em liberdade até que Ministério Público faça a denúncia à Justiça.

"Falta o Ministério Público oferecer a denúncia. Terá um prazo de defesa prévia e inicia-se prontamente a ação penal. Não há um prazo fixado, mas vamos fazer esse julgamento o mais prontamente possível", esclarece.

O magistrado acrescentou ainda que Lidiane poderá sair de São Luís e transitar pelos municípios da Região Metropolitana (Capital, São José de Ribamar, Paço do Lumiar e Raposa), uma vez que a Comarca responde pelas quatro cidades.

Obrigações
Além do uso da tornozeleira, a Justiça determinou que Lidiane compareça a juízo para informar e justificar suas atividades todo mês, seja proibida de frequentar a Prefeitura de Bom Jardim e só se ausente da Região Metropolitana mediante autorização judicial.

A ex-prefeita se entregou na sede da Polícia Federal (PF), no dia 28 de setembro, e foi levadda para o quartel do Corpo de Bombeiros, em São Luís. Ela ficou foragida por 39 dias depois de ter a prisão decretada pela Justiça.

Do G1 MA


Contato (81) 8171 7842

Ex-diretor da Petrobras livre da prisão domiciliar


O ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa saiu do regime de prisão domiciliar um ano depois de ter formalizado acordo de delação premiada. A partir e agora, ele será monitorado por meio de tornozeleira eletrônica. Também terá a obrigação de estar em sua casa às 20h e permanecer na residência até o dia seguinte. 

O procurador Douglas Fischer, coordenador do grupo de trabalho que atua na operação “lava jato” junto ao procurador-geral da República, Rodrigo Janot, defendeu a delação premiada. Segundo Fischer, “é uma mentira” que o Ministério Público peça prisões preventivas para trocar a liberdade do suspeito pela delação premiada. O procurador embasa sua afirmação no fato de que a última coisa que se combina em um acordo de delação é pena. Também diz que a soltura do suspeito é consequência da pena.

Magno Martins


Org Michelly Galvão Vieira

Mais Médicos lança novos editais


Prefeituras que tiverem vagas desocupadas do Programa Mais Médicos podem se inscrever, desta sexta-feira (9) até o dia 15 deste mês, para preencher esses postos. O Ministério da Saúde lançou edital para 326 municípios que podem solicitar a reposição de profissionais desistentes. Há 413 vagas em aberto nesses municípios. Para receber os médicos, após a inscrição, os gestores locais devem provar que está mantida a necessidade de profissionais.

Também foi lançado edital para selecionar médicos, com diploma brasileiro ou revalidado, que queiram preencher os postos. A inscrição será entre os dias 13 e 18 deste mês. Depois de inscritos, os médicos deverão indicar, a partir dia 20, até quatro cidades de diferentes perfis onde desejam clinicar. Os candidatos concorrerão somente com aqueles que optarem pelos mesmos municípios. Quem não conseguir ser alocado terá acesso às vagas remanescentes em outra oportunidade.

Caso as vagas não sejam preenchidas, o edital será aberto aos brasileiros que se formaram no exterior e, em seguida, aos profissionais estrangeiros. A previsão é que os primeiros profissionais brasileiros selecionados nessa etapa comecem a trabalhar no início de novembro. O próximo edital está previsto para janeiro do ano que vem.

O Mais Médicos conta atualmente com 18.240 médicos em 4.058 municípios e 34 distritos sanitários especiais indígenas

Da Agência Brasil



Org:Jailson Kaô.

Cunha diz que reprovação de contas não afeta mandato de Dilma


Deputado disse que situação política da presidente piora com a rejeição das contas (Foto: J.Batista/ Câmara dos Deputados)

O presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB), voltou a dizer nesta sexta-feira (9) que a rejeição, pelo TCU (Tribunal de Contas da União), das contas do mandato de 2014 da presidente Dilma Rousseff não afeta, juridicamente, o mandato atual. Segundo Cunha, em seu entendimento, irregularidades cometidas em mandatos passados não contaminam a vigência do mandato atual e, portanto, não podem ser, em tese, tomadas como argumento legal para um processo de impedimento da presidente.

Cunha, contudo, afirmou que “do ponto de vista político”, a situação da presidente piora com a rejeição. “Há uma discussão preliminar para saber se aquilo o que houve no mandato anterior afeta o mandato atual”, disse.

“Pode ter uma influência política, sim, e por ter uma influência se o entendimento for que o mandato é continuado e que as contas de 2014 poderiam influenciar o debate de hoje”.

O parlamentar reiterou que, no seu entendimento, questões passadas não influenciam o mandato atual. Ele disse, no entanto, que a rejeição mostra que há “um desequilíbrio fiscal” e o não cumprimento da Lei de Diretrizes Orçamentárias pelo governo federal. “Meu entendimento é que o mandato anterior não contamina o atual”, afirmou.

“É uma discussão jurídica que está sendo posta e há argumento dos dois lados, mas meu entendimento é de que não contamina”.

Ele reafirmou que a decisão no Congresso pela rejeição das contas pelo TCU deve ficar para o ano que vem, por conta dos prazos regimentais da comissão mista de orçamento, que precisa, antes, votar o orçamento deste ano.

Depois de apreciada pela comissão, explicou, as contas serão submetidas a uma das casas legislativas, provavelmente, segundo ele, primeiro para o Senado e posteriormente para a Câmara. “Sendo assim, acho que só vai acontecer no ano que vem”, disse.

Cunha reafirmou ainda que trabalhará no final de semana e no feriado para despachar na próxima terça-feira ao menos sete pedidos de impeachment protocolados na Câmara. Há ainda, informou, outros dois pedidos que não poderão ser apreciados ainda por falta de prazo.

Suiça

O deputado participou, nesta sexta, de congresso com prefeitos Fluminenses, em um hotel da zona sul do Rio. O parlamentar novamente se furtou a responder a perguntas sobre as denúncias de que ele teria quatro contas na Suíça que não teriam sido declaradas às autoridades brasileiras. Disse apenas que reiterava o conteúdo da nota que divulgou nesta manhã.

“Peguem a nota e reproduzam o que eu já falei. Alguma outra pergunta sobre outro assunto?”, perguntou aos jornalistas.

Sobre a representação que o PSOL irá protocolar no Conselho de Ética por quebra de decoro e que pede a cassação de seu mandato, Cunha disse estar tranquilo e que vê com naturalidade, já que o partido socialista é integrado por seus “desafetos contumazes e adversários de sempre”.

“Eles usam qualquer argumento para me afastar da política”.

Da Folhapress



Org: Josemir

Pedido de impugnação da eleição do Conselho Tutelar de Santa Cruz


Um pedido de impugnação e recontagem da eleição do Conselho Tutelar de Santa Cruz do Capibaribe está sendo protocolado neste momento (13hs00) no COMDECA, argumentado pela confusão gerada a partir da apuração da eleição no último domingo.

Estão entrando com o pedido: Laércio Glicério, Alcione, Valdir Paulo, Alencar Lopes e Eliel Antonio.

Laércio Glicério, Alcione, Valdir Paulo, Alencar Lopes pedem a anulação da eleição, enquanto Eliel Antonio pede a recontagem.

Segundo Eliel Antonio, José Alves e Kleiton Ferreira apoiam a ação dos cinco colegas

Eles alegam vários erros cometidos durante a apuração, falhas na fiscalização, e diversos problemas causados na divulgação dos números.Caso o COMDECA não acate o pedido, a comissão entrará na Justiça Comum.

Blog Sulanca News


Trabalho com seriedade e garantia.

Agradecimento aos votos obtidos.


Venho através desta, agradecer á você amigo e amiga Jataubense, pelo voto de confiança, na certeza de que empenho e força de vontade não irão faltar. Fico feliz por minha campanha ter sido de forma limpa e transparente... 

“Agradeço todas as dificuldades que enfrentei, não fosse por elas, eu não teria saído do lugar, as facilidades nos impedem de caminhar. Mesmo as críticas nos auxiliam muito." 

Brawn Basílio



Na Rua São Sebastião

Em face da crise político-econômica em que se debate o país,o escritor Agassiz Almeida enviou esta mensagem à presidenta Dilma Rousseff.

Agassiz Almeida: UBI EST ILLA aquela revolucionária da década de 1970?

Presidenta, reaja a essa elite corrupta e covarde. Olhe a história que é imortal, e não o efêmero cargo presidencial. 

Ubi est illa, aquela valente que varou as montanhas mineiras e disse ao Brasil que a liberdade não tinha preço.

Ubi est illa, aquela guerrilheira que frente aos carrascos da ditadura militar não se curvou, como milhares de companheiros presos, torturados e mortos não delataram e nem se acovardaram.

Ubi est illa, aquela combatente cuja postura na prisão retratada em foto marcou a sua personalidade.

Onde... onde... onde se encontra? Um profeta do Tibete falou: ocupa o cargo de presidente da República do Brasil, encurralada e perdida nos fios de Ariadne, debatendo-se entre os Eduardo Cunha e uma rede de corruptos e oportunistas que sangra o país.

Presidenta, fale à nação com destemor, sem medo dos panelaços vindos dos apartamentos luxuosos de ricaços empanturrados de privilégios como os de Ponta Negra, Natal, Praia de Belas, Porto Alegre, Cabo Branco, João Pessoa, Copacabana, Rio de Janeiro e Morumbi, São Paulo.

Presidenta, fale à nação e tenha coragem de assumir os seus erros que tiveram a aprovação silenciosa da sociedade e de uma oposição oportunista.

Presidenta, fale à nação antes que um furacão da demagogia cínica lhe abata.
 
Qual o comportamento dessa oposição bufônica quando o Governo Federal adotou ações de grandes impactos orçamentários?

Muitos aplaudiram e outros tantos silenciaram.



Onde estava e o que falou a burlesca oposição quando o Governo Federal, do qual todos fazem parte direta ou indiretamente, gastou e perdeu recursos orçamentários excessivos com congelamento de tarifas, desobrigações fiscais, inclusive construção de estádios de futebol, isenção do IPI para veículos automotores e isenção de impostos sobre dividendos e lucros de empresas, totalizando um montante em torno de 300 bilhões de reais?

Diante dessas enormes despesas como agiam os corifeus da oposição? Bajulando os EUA e o grande capital com afrontosas agressões a estes líderes sul-americanos do porte de Cristina Kirchner, Nicolás Maduro, Evo Morales, Rafael Correa e Michelle Bachelet.

E como uma das tantas peraltices os sanchos panças da oposição fizeram uma viagem à Venezuela no propósito de se solidarizarem com o terrorista de Estado Leopoldo López.

O que resultou dessa peça quixotesca? Uma gargalhada universal.

Paremos um pouco. Olhemos num olhar shakespeariano o burlesco drama dos bilionários encarcerados pela Operação Lava Jato, lá em Curitiba. Que tipos sórdidos! Neles está escancarada a cara da poderosa elite do país. Cevados nas tetas do Estado, de governo a governo, e presos flagrados na partilha do butim, e de forma infame, traem uns aos outros, num dedurismo cretino alcunhado com o pomposo nome de Delação Premiada. Este cenário torpe me lembra uma passagem da Divina Comédia de Dante Alighieri, no inferno, quando um bando de cachorros são lançados numa jaula e se mordem entre eles, com latidos e uivos aterrorizantes.

Quando o Golpe Militar de 64 desabou sobre a nação milhares de companheiros foram presos, torturados e assassinados. Poucos deles se fizeram delatores. Que contraste com os avacalhados bilionários da Operação Lava Jato.

Presidenta, levante-se! Olhe a História! Nela ressoam os passos daqueles que lutaram e fizeram a humanidade caminhar.

Obs.: Ubi est illa, expressão latina usada por Cícero no Senado Romano, há mais de 2.000 anos, que significa Onde se encontra.

Nota: Agassiz Almeida é escritor, ativista dos direitos humanos, deputado federal constituinte de 1988, autor das obras 500 anos do povo brasileiro, A república das elites, A ditadura dos generais; e recentemente lançou o livro O fenômeno humano. É considerado pela crítica como um dos grandes ensaístas do país.


Atende em Santa Cruz e região.