sábado, 21 de novembro de 2015

O mais novo colaborador desta página.


Qual vai ser a próxima? "Nyong Nyong" o novo vírus transmitido pelo mosquito transmissor da dengue.


O mosquito Aedes aegypti, conhecido por transmitir doenças graves como a dengue, a febre chikungunya e a zika, também transmite uma nova virose descoberta por especialistas: a nyong-nyong.

Assim como nas outras viroses, a febre é um dos sintomas mais comuns, segundo o infectologista Rivaldo Venâncio. “No caso do vírus nyong-nyong, ele pertence à mesma família, ao mesmo vírus da família chikungunya, vírus que dão acometimento primariamente mais intenso nas articulações”, explicou.

Por isso, onde há dengue, há mosquito Aedes aegypti e também podem ocorrer doenças semelhantes. Segundo o último boletim divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde (SES), 64 dos 79 municípios de Mato Grosso do Sul têm alta incidência da dengue. Foram mais de 30 mil casos notificados.

Segundo o médico patologista e pesquisador da Fundação Osvaldo Cruz (Fiocruz) e da Universidade Federal da Bahia (UFB), Mitermayere Galvão dos Reis, Mato Grosso do Sul pode ter em breve epidemias de zica, chikungunya e nyong-nyong, provocada por novo vírus descoberto.

Para controlar o vírus em caso de epidemia, ele acrescenta que é preciso desenvolver políticas públicas específicas para medidas de contenção, como o controle do mosquito em determinada área, por exemplo.

Disseminação

Atualmente, a disseminação dos vírus pelo planeta ocorre com mais rapidez que no passado, segundo o especialista. “No passado os vírus eram transmitidos pelas aves migratórias. Levava cinco ou seis meses para que um vírus que aparecia na Ásia chegar ao Brasil ou ao Polo Norte. Hoje, com os aviões, o indivíduo pode se infectar lá na Ásia e dois dias depois ele está aqui no Brasil com o vírus”, afirmou Reis.

De acordo com ele, em terras estrangeiras, onde há um mosquito apropriado para transmissão, como o Aedes aegypti no Brasil, existe a possibilidade do vírus ser difundido e ocorrer uma epidemia.

Ainda segundo especialistas as pessoas infectadas com esse vírus podem sentir dores causadas pela doença por até 3 anos.


J. Silva / G1



A qualidade é aqui!!!

Para ficar ainda mais inteirado nos assuntos politico de nossa região, acesse este mais novo parceiro da comunicação.

Após articulação de Diogo Moraes, governador Paulo Câmara anuncia força-tarefa no combate à epidemia que assola Agreste


O surto de epidemia que está assolando o Agreste pernambucano foi tema de reunião entre o deputado estadual Diogo Moraes (PSB) e o governador Paulo Câmara (PSB) na manhã desta sexta-feira. Diante do elevado número de pessoas que tem apresentado sintomas de uma doença ainda não identificada, o parlamentar pediu que o Estado auxilie no atendimento de infectados e ajude a solucionar o caso. Paulo Câmara afirmou que irá mandar uma equipe para a região e determinou a limpeza Rio Capibaribe e de córregos para evitar a proliferação de mosquitos – possível transmissor da doença.

O governador determinou a ida da secretária-executiva de Coordenação Geral da Saúde, Ana Claudia Callou, para o município de Santa Cruz do Capibaribe. A representante do governo estadual vai auxiliar na montagem de um plano de ação que tem o objetivo de auxiliar no combate ao surto epidêmico. Nos últimos dias, o deputado Diogo Moraes recebeu informações de várias pessoas infectadas com a doença, que relataram sintomas parecidos com os da chicungunya (sem confirmação oficial).

“Diante disso que estamos vivendo, viemos mostrar a real situação, mostrar que Santa Cruz e municípios da região estão passando por um momento atípico. Essas ações serão feitas em conjunto com a prefeitura. O governador presta solidariedade e mostra a sensibilidade dele levando essa equipe. Nesse momento estamos unidos no sentido de vencer esse vírus, acabar com essa epidemia”, disse o deputado.


Na última quarta-feira, Diogo Moraes chegou a fazer pronunciamento na tribuna da Assembleia Legislativa de Pernambuco pedindo apoio da Secretaria estadual de Saúde e do Ministério da Saúde. O prefeito de Santa Cruz do Capibaribe, Edson Vieira, o secretário de Saúde do município, Breno Feitoza, e o ex-deputado estadual Oséas Moraes também estiveram na reunião.

Durante o encontro, o prefeito Edson Vieira relatou ao governador casos de morte de pessoas que apresentavam os sintomas da doença. Ainda não existe confirmação da ligação entre a virose e os óbitos. A demanda no Hospital Municipal Raimundo Francelino Aragão dobrou nos últimos dias.

VOLUNTÁRIOS

Em entrevista da manhã desta sexta-feira, o deputado estadual Diogo Moraes agradeceu o apoio de pessoas que estão atuando voluntariamente no atendimento à população.

“Quero agradecer a todos os voluntários que estão deixando de fazer seus afazeres pra ajudar a população. A gente está fazendo esse esforço. Peço às pessoas que querem usar a política nesse momento que tenham mais compaixão, amor. Esse momento não é de política. É momento de ajudar ao próximo, de achar as soluções, cada um na sua competência. Estou na minha competência de acionar o governador para ajudar o povo, e é o que eu tenho feito”, declarou em entrevista à Rádio Vale AM.

Informações da Assessoria.




Jataúba tem o melhor para sua festa.

Esgoto estourado causa transtornos a Dona de Casa.


A Senhora Nicinha que mora na Cohab mais precisamente na Av Alário Viera de Araújo no 15, nos procurou para reclamar de um esgoto que estoura constante mente em seu quintal. 


Tem uma numa caixa dentro do meu quintal que o pessoal da prefeitura chama de saneamento básico, já faz dois anos que a situação é assim, quando tinha engenheiro na prefeitura ele veio aqui e falou q tinha que ser retirado mais, Maviael e Geraldo palmeira não quiseram tirar e agora tá cada vez pior. Falar com o prefeito eu não consigo, eu vou Serra o cano e não vai passar mais nada das outras casas para a minha, porque toda sujeira das outras casas fica na minha, veja e confira nas fotos como está meu quintal e meu banheiro e minha cozinha. Relatou Nicinha

Collar Blog Jataúba News.



Trabalhando por sua saúde

Mais um crime de morte é registrado no município de Jataúba-PE


Na noite desta sexta-feira (20) por volta das 18h15min, aconteceu mais um crime de morte no município de Jataúba-PE, trata-se do popular Wanderley Ventura de Lima de 33 anos de idade mais conhecido por “Deley,” que teve sua vida ceifada por cinco disparo de arma de fogo. 


Ainda segundo as informações Deley que morava em Cacimbinha-PB, estava bebendo com alguns amigos aqui na cidade de Jataúba, e ao anoitecer pediu que um amigo fosse leva-lo até Cacimbinha onde residia, mais no caminho que liga Jataúba ao distrito do Jundiá o mesmo foi alcançado pelos os algozes que o executaram. Não se sabe quem estava conduzindo a motocicleta que Deley estava de carona. 



Deley era dono de uma padaria e, deixou três filhos para a fazer parte das estatísticas da violência que impera em nossa região. Estiveram fazendo o isolamento do local o Cab. L. Moraes e o Sd. Galdino, foi feito o levantamento cadavérico e o encaminharam para o IML de Caruaru para ser necrópsiado. 


  


Collar Blog Jataúba News


Não perca tempo pague sua contas aqui!!