quarta-feira, 31 de outubro de 2018

Feriadão – Estradas têm fiscalização reforçada e lombadas desligadas


Com o objetivo de melhorar a fluidez no trânsito e reduzir acidentes graves nas estradas federais de Pernambuco, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) reforça a fiscalização durante o feriadão na Operação Finados, entre quinta-feira (1º) e a meia-noite de domingo (4).

Nas rodovias estaduais com pedágio, também haverá reforço. Segundo estimativas das concessionárias ‘Rota dos Coqueiros’ e ‘Rota do Atlântico’, 110 mil veículos devem se dirigir apenas ao Litoral Sul do Estado.

Oito lombadas eletrônicas serão desligadas pelo Departamento de Estradas e Rodagem de Pernambuco (DER-PE). Isso teve início nessa quarta, às 12h e segue até às 5h da segunda-feira (5). Também serão realizadas ações para alertar para o uso do capacete, do cinto do segurança e a checagem dos itens obrigatórios

De acordo com dados da PRF, 90% dos acidentes nas rodovias federais têm ocorrido em virtude da imprudência no trânsito. Por isso, a polícia recomenda que motoristas evitem condutas de risco como a velocidade em excesso, as ultrapassagens arriscadas e o consumo de bebidas alcoólicas.

Blog Jataúba News

Mulher é detida acusada de se passar por policial em Santa Cruz, diz Polícia Civil

Foto: Fernando Lagosta.

Uma mulher foi detida na tarde desta quinta-feira (31) acusada de se passar por uma comissária da Policia Civil para obter vantagens, em Santa Cruz do Capibaribe.

De acordo com o delegado do município, Dr. Flaubert Queiroz, a acusada Judite Bezerra Cavalcanti (39 anos) se encontrava com uma farda da polícia e estava tentando alugar uma residência.

Ainda segundo o delegado, ela também é acusada de estelionatos, inclusive com vários boletins de ocorrências registrados contra a mesma, os quais afirmavam que ela se passava por policial para também tentar comprar produtos e mercadorias, porém não retornava para efetuar os pagamentos.

“Ela se passava por policial para ter credibilidade do comercio” – disse o delegado.

Ao ser questionada sobre o fardamento, ela revelou que pertencia a um ex-namorado que era policial.

Ela foi enquadrada por contraversão penal do artigo 46 da LCT ‘por usar distintivo ou camisa oficial da polícia ou de instituição pública’, além do artigo 307 ‘por se passar por outra pessoa para obter vantagem’.

Judite foi conduzida para a delegacia de polícia local, onde ficou a disposição da justiça.

Blog do Ney Lima