sábado, 23 de março de 2013

Lula: ''Virei um ser humano melhor, depois do câncer"


 

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) afirmou neste sábado (23) em Barretos (423 km de São Paulo) que não está preocupado com resultados de pesquisas de intenções de voto para as eleições
presidenciais de 2014.

"Não estou preocupado com pesquisas", foi a única resposta de Lula aos repórteres durante a inauguração do novo hospital de câncer
infantojuvenil que leva seu nome. A unidade integra o complexo do
Hospital de Câncer de Barretos. Em discurso ao público, Lula lembrou-se do contato que teve com crianças com câncer no Hospital Sírio-Libanês, onde fez o tratamento contra a doença, descoberta em 2011.

"Virei um ser humano melhor depois do câncer", disse. O ex-presidente abraçou crianças e descerrou a placa de inauguração do hospital. "Quero ser o primeiro parceiro a ajudar o Hospital de Câncer de Barretos".

Pesquisas Datafolha e Ibope apontaram que se as eleições fossem neste sábado a presidente Dilma Rousseff (PT) seria reeleita no primeiro turno. O mesmo aconteceria caso Lula assumisse o lugar de Dilma como candidato do PT. (Folha de S.Paulo - Fernanda Testa)

Jarbas recebe Eduardo Campos em almoço




Geraldo Julio, Eduardo Campos e Jarbas Vasconcelos (Foto: Ennio Benning/Reprodução Instagram)

Neste sábado (23), o senador Jarbas Vasconcelos (PMDB) abriu as portas de sua casa no Janga, em Paulista, para um encontro marcado pelo simbolismo. É que o governador Eduardo Campos (PSB) foi convidado para um almoço que sela a reaproximação dos dois depois de vários anos de rompimento. O socialista e o peemedebista voltaram a ser parceiros na eleição de 2012.


Eduardo ao lado de Jarbas e de José Mucio, que também foi prestigiar o encontro (Foto: Ennio Benning/Reprodução Instagram)

Além do governador, estavam presentes o prefeito do Recife, Geraldo Julio (PSB), o ministro do Tribunal de Contas da União (TCU) José Múcio, o senador Armando Monteiro Neto (PTB), o secretário de Governo e Participação Social do Recife, Sileno Guedes, e o presidente da Assembleia Legislativa de Pernambuco, Guilherme Uchoa (PDT), entre outras lideranças políticas.


Convidados de Jarbas e Eduardo Campos reunidos (Foto: Ennio Benning/Reprodução Instagram)

Jataubense são destaque em fazenda nova.

Jovens de jataúba são destaque da paixão de cristo na nova jerusalém em fazenda nova de brejo da madre de Deus PE: 




Ibope dá vantagem maior a Dilma que Datafolha



 

De acordo com uma pesquisa nacional do Ibope, a presidente Dilma Rousseff seria reeleita com tranquilidade, no primeiro turno, para mais um mandato como presidente da República, independente do adversário. A petista tem entre 53% a 60% das intenções de voto, seguida de Marina Silva – que ainda tenta criar seu novo partido, a Rede Sustentabilidade, que tem entre 8% e 13%, Aécio Neves (PSDB), de 7% a 9%, e Eduardo Campos (PSB), que tem vai de 2% a 3%.

O eleitorado espontâneo, quando a pesquisa é feita sem que o entrevistador mostre ou diga o nome dos possíveis candidatos, de Dilma (35%) é três vezes maior do que os outros oponentes juntos. Mesmo no pior cenário, com sete adversários, a atual ocupante do Palácio do Planalto teria 53% dos votos, segundo a pesquisa.

Quando foram reeileitos, Fernando Henrique Cardoso e Lula só chegaram a essa taxa depois do início da propaganda eleitoral na televisão. Os dados apontam, assim, que Dilma é candidata à reeleição mais precocemente bem-sucedida entre os presidentes brasileiros.
Além disso, a presidente é a única entre os presidenciáveis com potencial de voto positivo, ou seja, tem mais eleitores que admitem votar nela do que os que nunca votariam na sucessora de Lula da Presidência.

A pesquisa do Ibope, feita em parceria com o jornal O Estado de S.Paulo e publicada neste sábado, entrevistou 2.002 eleitores em 142 municípios do Brasil, e foi realizada entre os dias 14 e 18 de março. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos.

Nordeste no foco. Pra valer ou é só a campanha?


 
Um grupo de ministros se reuniu ontem com a presidente Dilma no Palácio do Planalto para discutir um pacote de medidas de combate à seca. A informação é de Ilimar Franco, na sua coluna política do Globo deste sábado. Segundo o colunista, não conseguiram chegar a uma proposta satisfatória.

''Entre as medidas analisadas estão a criação de sistema mais moderno de perfuração de poços com uso de máquinas mais potentes. Há ideia de fazer um convênio com a Petrobras, que tem tecnologia de ponta. Pensa-se em criar um observatório para atuar na prevenção; e atuar na desburocratização das ações do governo no combate à seca. As prefeituras terão o dinheiro liberado por cartão de pagamento, como já ocorre em situações consideradas emergenciais.''

Hoje o blog parabeniza Mauricio Lima

Passando para deseja a todos leitores deste blog um belo final de semana.

Ladrão rouba moto e abandona outra no mesmo local


Moto abandonada pelo assaltante. Foto: Fernando Lagosta.

No início da tarde desta sexta-feira (22), por volta de 12h10, mais uma moto foi tomada de assalto em Santa Cruz, no loteamento São Miguel.

Até ai nenhuma novidade, mas o que chamou a atenção foi que ao ladrão, ao realizar o assalto a uma mulher (que mão quis se identificar), o criminoso abandonou outra moto (modelo Honda CG 150cc, de cor preta, placa KHI 7171) no local do assalto.

Segundo a vítima, que prestou queixa na delegacia, a moto que foi roubada é uma Honda Bros, de cor vermelha (placa PGB 1669, de Santa Cruz do Capibaribe).

Ela também deu algumas descrições do criminoso: magro, moreno e com uma tatuagem em uma das pernas.

A polícia pede a população que denuncie e solicita também para que o proprietário compareça a delegacia para resgatar sua moto, que está sem restrição de roubo segundo o site do Detran.

Ney lima 

Com seca apertando, Dilma terá agenda hídrica em PE


A quarta vinda da presidente Dilma Rousseff (PT) a Pernambuco desde o início do mandato – em janeiro de 2011 – terá como foco o abastecimento de água no Sertão. E é no município de Serra Talhada que a petista vai inaugurar a primeira etapa da Adutora do Pajeú, na próxima segunda-feira (25). Nesta fase, a obra vai aliviar o sofrimento de 170 mil pessoas, que residem em oito municípios – trecho onde passa a tubulação da intervenção. A estiagem prolongada voltou à mesa dos pernambucanos após previsões nada animadoras de metereologistas, que indicam um ano de 2013 duro no campo. A benfeitoria vai evitar o colapso no abastecimento em cidades como Triunfo, Calumbi, Ingazeira, São José do Egito, Santa Terezinha, além da própria Serra Talhada.

O Departamento Nacional de Obras contra as Secas (DNOCS), que está realizando as obras, já concluiu 148 quilômetros dos 180 quilômetros previstos nesta primeira etapa da adutora. Nesta fase, foram gastos R$ 190 milhões, entre verbas federais – a maior parte – e estaduais. O projeto original da obra sofreu alteração, haja vista a necessidade de transportar água já tratada. A ideia inicial previa apenas o abastecimento da água bruto, captada nos mananciais do Rio São Francisco e do Eixo Leste do projeto da Transposição. Por falta de estações de tratamento fora dos centros municipais, o Governo Federal incluiu um aditivo de R$ 8 milhões para já ofertar o líquido aos moradores já tratado.

A primeira fase da Adutora do Pajeú vai beneficiar, diretamente, 170 mil pessoas somente em Pernambuco. Quando chegar a sua conclusão, a benfeitoria – que chegará até a Paraíba – vai tirar 400 mil pessoas do sufoco da seca. Especialistas da obra preveem que o benefício poderá se estender até a 500 mil pessoas. A intervenção passará por 32 municípios, sendo 21 em solo pernambucano e as outras nove em terras paraibanas. Ao entrar em operação, a vazão da adutora vai atingir a capacidade de 120 litros de água por segundo. A segunda etapa da construção da adutora terá início previsto para abril deste ano.

Barragem
No mesmo ato que vai inaugurar a primeira fase da Adutora do Pajeú, a presidente Dilma Rousseff vai assinar a ordem de serviço para construção da Barragem de Ingazeira, situada no município de mesmo nome. A obra vai levar água para consumo, irrigação, turismo e piscicultura às famílias residentes nos municípios de Ingazeira, São José do Egito, Tabira e Tuparetama. A intervenção – que terá 48 mil metros cúbicos de espelho d’água – está orçada em R$ 42 milhões e vai beneficiar, diretamente, 36 mil pessoas. Ela levará 12 meses para conclusão.