terça-feira, 11 de novembro de 2014

Socorro Maia terá que devolver mais de R$ 659 mil aos cofres públicos, denuncia Prefeitura


Foto: Thonny Hill (arquivo).

Na manhã desta terça-feira (11) foi divulgado, através de matéria veiculada no Blog Direto ao Ponto, o resultado do Inquérito Administrativo movido contra a ex-secretária de Educação Socorro Maia.

De acordo com a denúncia, Socorro Maia teria que devolver mais de R$ 659 mil aos cofres municipais devido a várias acusações.

Dentre elas estão suposta irregularidade de sua estabilidade financeira conseguida em 2007 por ter sido secretária de Educação por cinco anos (que aumenta seus vencimentos em relação ao salário de um professor comum) e também alegações de que ela não seria, de fato, funcionária efetiva do município.

Pela denúncia, Socorro foi demitida do quadro de funcionários e teve todos os seus vencimentos suspensos.

Relembre o caso

O assunto ganhou repercussão em julho de 2013 quando a então vereadora Jessyca Cavalcanti (atual Secretária de Articulação Política) foi ao Ministério Público com documentos que contestavam a legalidade da estabilidade financeira de Socorro Maia e que ela não era concursada pelo município.

Na época, Socorro Maia rebateu as denúncias, citando que era concursada no município desde agosto de 1968 (apresentando documentos datados de sua admissão) até abril de 1980, sendo depois incorporada ao quadro estadual até 1992 e voltando a aparecer na folha municipal de 1993 a 1995, tirando licença sem vencimentos em 1996 e retornando em 2002, quando José Augusto Maia foi eleito, ficando até o fim da gestão de Toinho do Pará, em dezembro de 2012.

Com base nas denúncias, foi então aberto o Inquérito Administrativo pela Prefeitura que, após a conclusão pela procuradoria municipal, definiu a demissão imediata de Socorro e suspensão dos vencimentos.

Socorro Maia afirmou que entrará na Justiça mais uma vez contra a Prefeitura

Em participações no programa Rádio Debate desta terça-feira (11), tanto Socorro Maia como Jessyca Cavalcanti entraram para falar sobre o caso.

Primeira a falar, Socorro Maia frisou que entrará, mais uma vez, na Justiça contra a prefeitura para garantir os vencimentos que ela afirma ter direito.

A ex-secretária citou que um dos argumentos para sua defesa será, além de apresentar documentos que mostrariam sua admissão e tempo de serviços prestados, falará sobre o sumiço de documentos que deveriam estar de posse da prefeitura do seu período de licença, em 1996.

“Sou eu que tenho que me responsabilizar de uma coisa que seria de responsabilidade da prefeitura ou da Secretaria de Administração?! Ela quem deveria apresentar. Realmente eu nunca peguei cópia desses documentos, foi uma falha de minha parte, mas quando a gente não tem maldade e quer fazer um trabalho, não imagina que esse tipo de coisa pode acontecer”, frisou.

Socorro, que atualmente exercia cargo de professora em uma escola da rede municipal, citou que chegou a ser afastada de suas funções no final do ano passado para que não fossem pagos 13º salário e também as férias e que, após entrar na Justiça, voltou ao cargo.

Jessyca afirma ter documentos que comprovariam irregularidades

.

Já Jessyca destacou o teor da denúncia e falou sobre um novo documento conseguido junto ao Tribunal de Contas (TC-PE), no final de 2012, em que Socorro Maia teria pedido para que o período trabalhado de agosto de 1968 a abril de 1980 fosse anexado ao seu tempo como funcionária do Estado, para poder se aposentar.

De acordo com ela, tal documento mostraria que, de fato, ela não seria mais funcionária do município como alega ser desde 1968.

“A partir do momento que ela fez isso, ela deixa de ser, imediatamente, funcionária do quadro efetivo de Santa Cruz do Capibaribe”, frisou. Jessyca também completou que, no período que Socorro Maia teria solicitado, de forma retroativa, para conseguir sua estabilidade financeira, teriam portarias com duplicidade, o que indicaria uso de documentação falsa por parte da ex-secretária.

“Ela não tem a menor condição de ter sido professora do município de 1980 até 2007 em Santa Cruz. Vamos anexar toda essa documentação ao nosso processo que já está no Ministério Público”, frisou.

Jessyca citou que varias pessoas foram ouvidas, inclusive ligadas às gestões de Augustinho Rufino (1983-1988), Aragãozinho (1993-1996) e Ernando Silvestre (1997-2000), que afirmavam que ela não era concursada.

A questão agora segue para a Justiça, sem data para definição.

Blog Ney Lima 



O melhor lugar para sua casa.

Polícia realiza uma das maiores apreensões de drogas no semestre em Santa Cruz do Capibaribe


Fotos: Fernando Lagosta.

Há poucos instantes, uma mulher acabou de ser presa e apresentada na delegacia de Santa Cruz do Capibaribe com uma grande quantidade de drogas.

De acordo com as novas informações coletadas por nossa equipe, Letícia Batista de Arruda (24 anos) foi presa dentro de um veículo de propriedade de José Tenório Filho (conhecido como “Rodrigo”, de 35 anos) que reside ora em Santa Cruz do Capibaribe, ora no distrito de São Domingos, de Brejo da Madre de Deus.

A dupla teria ido para o distrito de Pão de Açúcar para comprar a droga e, ao retornar, passou pelo posto policial que fica na PE-160, próximo a aquele distrito.

Ao ter indicado que José Tenório deveria parar, ele (que conduzia um veículo Celta, de cor branca e placa não informada) reduziu a velocidade e depois arrancou, na tentativa de fugir. Foi então iniciada uma perseguição e, após a chácara paraíso, ele colidiu em outro carro, parou fora da pista e fugiu por um matagal.

O motorista do outro veículo, que chegou a bater em uma pedra fora da pista, não se feriu. A polícia ainda tentou sair a busca de José Tenório, mas sem sucesso. Até o momento, foi contabilizada uma quantia superior a 16 quilos de maconha e quase 120 gramas de crack.

Na delegacia, Letícia negou que sabia da droga, mas ao ser interrogada, confessou quem era o dono de todo o material apreendido. A pedra de crack, fracionada, renderia quase 500 pedras menores para consumo, sendo cada uma vendida a R$ 10,00.

.

A droga seria distribuída no decorrer da semana, em Santa Cruz do Capibaribe. Em breve, maiores informações.

Fonte Blog Ney Lima 

Aqui seu corpo sempre está em forma.

Suspeita de paciente com vírus ebola em Caruaru é descartada, afirma Secretaria de Saúde


Policlínica deve voltar com suas atividades ainda hoje. Foto: Portal Saúde Pernambuco.

Uma boa notícia foi divulgada na coletiva de imprensa convocada pela Secretaria de Saúde de Caruaru: que o caso de suspeita de uma pessoa estar infectada com o vírus ebola está plenamente descartada.

A possibilidade ganhou destaque na imprensa pernambucana após um paciente do sexo masculino dar entrada na policlínica que fica no bairro Vassoural, se queixando de febre e dores. No histórico do paciente, datava que ele tinha realizado uma viagem ao exterior para a Guiné Equatorial, país africano que está de fora dos que registraram casos da doença mortal.


Paciente segue internado no Recife. Foto: NE10 (divulgação).

De acordo com Wedneide Ameida, a secretária executiva de Saúde de Caruaru, o paciente foi levado para o Hospital Universitário Oswaldo Cruz, na Capital Pernambucana, e protocolos de exames clínicos realizados de acordo com o Ministério da Saúde descartaram a doença e confirmaram que o homem possuía apenas malária.

Ainda de acordo com a secretária, o paciente havia contraído malária outras seis vezes seis vezes durante os quatro meses em que esteve na Guiné Equatorial. O homem teria chegado ao país em 04 de novembro, onde desembarcou no Rio de Janeiro. Em seguida, teria tomado um voo com destino a Recife e depois seguiu de carro para Caruaru.

Até o momento, apenas um caso da doença foi registrado em território brasileiro, no estado do Paraná, no começo do mês de outubro. A Policlínica do bairro foi desinfetada e deverá voltar com seus procedimentos normais ainda hoje. O paciente segue internado em Recife.

Ney Lima 


Fone 81 8235-7724 e peça a sua Pizza Org:  Geazir e Rose

Dois menores foram apreendidos armados em Santa Cruz do Capibaribe.


Na manhã desta terça-feira por volta das 10:30 dois menores são detidos na transversal da rua 22 de abril no bairro da cohab próximo a quadra de Society. 

Eles se encontravam com um revólver cal. 32 oxidado o qual estavam efetuando roubos na localidade. 


Os menores são conhecidos pelo vulgo de defunto e Chico. A equipe que efetuou a detenção e condução dos menores a DEPOL foi a GT do Cb PM Babosa composta pelo Sd PM B. Virginio.

Cb Junior de Jesus 


Fone 81 8235-7724 e peça a sua Pizza Org:  Geazir e Rose

Ypiranga se apresenta para o Campeonato Pernambucano de Futebol


Fotos: Elivaldo Araújo.

Na tarde desta segunda-feira (10) aconteceu no Estádio Otávio Limeira Alves a apresentação da equipe do Ypiranga para a disputa do próximo Campeonato Pernambucano.

Dezoito atletas se apresentaram no primeiro dia ao técnico Reginaldo Sousa e a comissão técnica. Também esteve presente o vice-presidente Zé Nelson, além de alguns torcedores da Máquina de Costura.


Após a apresentação, Reginaldo Sousa teve um conversa rápida com os atletas. Em seguida, a comissão técnica e a diretoria do clube participaram de uma coletiva de imprensa, onde foram tiradas dúvidas sobre a preparação da equipe e a expectativa para o estadual.


Durante a entrevista, Zé Nelson afirmou que a equipe deverá está firme para a disputa do campeonato.

“Quem tem medo de desafio não precisa vir para o Ypiranga”, destacou.

O treinador citou que pretende formar um grupo de 28 atletas para a formação da equipe e que o pensamento será brigar pelas primeiras colocações.

“O nosso objetivo será brigar pelas primeiras posições, para que possamos representar a cidade de Santa Cruz do Capibaribe da melhor forma possível “, afirmou.

Reginaldo ainda ressaltou que a equipe deverá realizar no mínimo dois amistosos durante a pré-temporada.

Elenco:

A equipe será formada com alguns atletas experientes que já atuaram na região, além da oportunidade dada aos atletas das categorias de base e alguns que atuaram no campeonato passado.


Confira a lista dos atletas que se apresentaram nesta segunda-feira:

Goleiros: Adson e Felipe

Laterais: Maneco e Luiz (D) e Jackson (E);

Zagueiros: Diogo;

Volantes: Jair, Gil, Bruno e Jefferson;

Meias: Thauan, Mikaélio, Tiago e Clóvis

Atacantes: Kennedy, Lalá, Tiago Souza e Douglas.

De acordo com Reginaldo, até a próxima quarta-feira (12) o restante da equipe deverá se apresentar. O Ypiranga estreará no Campeonato Pernambucano no dia 7 de dezembro no Estádio Otávio Limeira Alves contra a equipe do Pesqueira.

Blog do Ney Lima 



Tudo para sua Casa e Construção 081 3746-1412

Após eleições, Paulo Câmara e Armando ainda arrecadam mais de R$ 2 milhões


Fotos: JC Imagem. Montagem: Bruno de Carvalho/NE10

Mesmo que a eleição para o Governo de Pernambuco tenha sido definida ainda no primeiro turno, ocorrido no dia 5 de outubro, os dois principais candidatos no Estado, o governador eleito Paulo Câmara (PSB) e o senador Armando Monteiro Neto (PTB), arrecadaram mais de R$ 2,1 milhões mesmo após o resultado. Até a campanha da presidente Dilma Rousseff (PT) ajudou o aliado petebista a fechar as contas eleitorais, divulgadas pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) na última semana.

Mesmo derrotado com 31,07% dos votos, Armando Monteiro foi o candidato que mais arrecadou depois do primeiro turno. O senador petebista levantou mais de R$ 1,5 milhão após o primeiro turno. Eleito com 68,08% da preferência do eleitorado pernambucano, Paulo Câmara somou R$ 600 mil através da sua conta como candidato ou do comitê financeiro criado pelo PSB para bancar a campanha para governador no Estado.

Depois da eleição, Armando conseguiu doações no valor de R$ 607 mil com empresas e R$ 348,5 mil com pessoas físicas – a maior doação nesse sentido foram os R$ 184,5 mil doados pelo empresário Douglas Cintra, seu primeiro suplente no Senado Federal, registrados já no dia 3 de novembro, quase um mês após o resultado das urnas.

Foto: Bobby Fabisak/JC Imagem

Além disso, o senador petebista conseguiu um aporte de R$ 499,6 mil da Direção Nacional do Partido Trabalhista Brasileito (PTB) no dia 7 de outubro. No dia 16, o comitê financeiro da campanha da presidente Dilma, que apoiava o senador, transferiu mais de R$ 53,2 mil para a candidatura local. Antes do primeiro turno, a campanha nacional petista já havia repassado mais de R$ 197,3 para Armando em quatro outras doações.

Já dos R$ 600 mil que a campanha de Paulo Câmara levantou após a vitória, o maior montante foram os R$ 400 mil doados pela empresa Via Engenharia no dia 6 de outubro, logo após a vitória, ao comitê financeiro do PSB para a campanha estadual. Um mês antes, a empresa já tinha contribuído com R$ 450 mil para a conta do comitê. Paulo Câmara ainda levantou R$ 200 mil em doações de pessoas físicas.

Foto: Wagner Ramos/PSB

O repasse de recursos após a votação é permitido pela Legislação Eleitoral, que dá aos candidatos um mês após a eleição para arrecadar novos recursos e apresentar a prestação final de contas. O prazo para os candidatos cujas campanhas se encerraram ainda no primeiro turno, caso da campanha em Pernambuco, se encerrou último dia 4.

No Estado, mais de 200 candidatos proporcionais deixaram de entregar a última prestação de contas e aparecem como inadimplentes junto à Justiça Eleitoral. Na lista aparece nomes como o do presidente da Força Sindical, Aldo Amaral (PRB), e do ex-BBB Daniel Rolim (PSDB).

CAMPANHAS NO VERMELHO – De acordo com as prestações de conta apresentadas por Paulo Câmara e Armando Monteiro, os candidatos terminaram a disputa eleitoral de 2014 no vermelho, com débitos nas casas dos milhões de reais.

Considerando toda a campanha, Armando arrecadou mais de R$ 19,7 milhões (dos quais R$ 7,4 milhões vieram do próprio bolso) e fez dívidas no valor de R$ 24,5 milhões; deixando um rombo de quase R$ 4,8 milhões.

Já Paulo Câmara, concluiu a eleição com um débito de mais de R$ 1 milhão. Ele conseguiu levantar quase R$ 18 milhões, mas gastou mais de R$ 19 milhões para chegar ao Palácio do Campo das Princesas.


Blog do Jamildo

Jataúba tem Casa Frios Araújo

Líder do PT no Senado reage a Aécio e diz que ele quer manter a polarização da eleição


Humberto Costa (PT-PE) voltou a dizer que o tucano precisa “descer do palanque”

O líder do PT no Senado, Humberto Costa (PE), reagiu às declarações do senador Aécio Neves (PSDB-MG), candidato derrotado no segundo turno da eleição presidencial, ao GLOBO neste domingo. Para o senador, o otimismo do tucano se deve à novidade da participação maior “da oposição de direita” nessas eleições, mas o frisson com o resultado das urnas, que rendeu uma vitória apertada para a presidente Dilma Rousseff, deve acabar em breve. Costa voltou a dizer que Aécio Neves tem que “descer do palanque”. Na entrevista, Aécio afirmou que, pela primeira vez, o governo do PT irá enfrentar uma oposição conectada com a sociedade.

— A oposição e Aécio Neves continuam em cima do palanque. Não conseguiram ver que perderam as eleições e que, em breve, se inicia o novo governo reeleito. Eles querem manter a polarização da eleição. A oposição à direita no Brasil ter feito uma campanha massiva, com participação, é novidade. Eles ainda estão se deleitando com isso. Mas, não vejo a possibilidade de termos um Brasil dividido. As pessoas não querem isso e o governo tem instrumentos e políticas para atender ao que a população precisa. Esse frisson que Aécio está vivendo vai acabar gradativamente — diz o senador.

Costa disse ainda que a campanha tucana mobilizou segmentos reacionários da sociedade com uma campanha de polarização que teria incitado a divisão do Brasil com um discurso de ódio. Na entrevista ao GLOBO, Aécio afirmou que o marketing petista “deseduca a população porque não permite o debate” e acusou a presidente Dilma de cometer “estelionato” eleitoral por ocultar dados negativos para o governo antes da eleição:

— A campanha do Aécio ensejou o surgimento do preconceito, do ódio, do racismo e o retorno dos militares. Isso tudo é reflexo da campanha que foi feita, chamando tudo e todos de bolivarianismo, polarizando. Foi Aécio quem fez essa direita cair no colo dele.

Um dos coordenador da campanha de Aécio, o senador Agripino Maia (DEM-RN) afirma que a oposição está revigorada e concorda com Aécio quando ele diz que a sociedade está mais conectada com a oposição.

— Pela primeira vez, nós, oposicionistas, somos solicitados pela sociedade a agir com energia. Antes, a rua aplaudia algumas iniciativas nossas. Agora, a rua pede para agirmos com mais energia. O mais importante é fazer uma oposição propositiva, coisa que o PT nunca fez, porque sempre fez uma oposição destrutiva — apontou.

A respeito de manifestações da direita pedindo a volta dos militares, Agripino afirmou ser algo “condenável”, com o que a oposição não concorda, mas fruto de uma reação ao governo Dilma Rousseff.

— Esse é um governo que vai tão mal que até esse tipo de coisa condenável tem vez, a volta à ditadura. Não apoiamos isso, não estamos conectados com isso, é uma decorrência da má qualidade do governo — afirmou o senador.

Fonte: O Globoa

O point da Juventude Jataubense