sábado, 5 de abril de 2014

Morre aos 66 anos o ator José Wilker




Conhecido por trabalhos como 'Roque Santeiro', ele sofreu um infarto. A última participação em novelas foi em 2013, em 'Amor à vida'.

O ator e diretor José Wilker morreu, aos 66 anos, na manhã deste sábado (5) no Rio. Ele sofreu um infarto. Wilker ficou conhecido por trabalhos marcantes em novelas como "Roque Santeiro", em que interpretou o personagem-título, e "Senhora do destino", em que interpretou o bicheiro Giovanni Improtta. No cinema, fez filmes como "Bye Bye, Brasil" e "Dona Flor e seus dois maridos".



A sua última participação em novelas foi em 2013, em "Amor à vida", de Walcyr Carrasco, no papel do médico Herbert. Em 2012, ele foi o coronel Jesuíno no remake de "Gabriela", baseada no livro "Gabriela Cravo e Canela", de Jorge Amado. Na versão original, exibida em 1975, havia feito o seu primeiro protagonista, Mundinho Falcão. Na TV Globo, participou de quase 30 novelas.


Começo
José Wilker de Almeida nasceu em Juazeiro do Norte no dia 20 de agosto de 1947. De acordo com seu perfil no site Memória Globo, ele se mudou com a família, ainda criança, para o Recife. A mãe, Raimunda, era dona de casa, e o pai, Severino, caixeiro viajante.

O primeiro trabalho de Wilker foi com apenas 13 anos, como figurante no teleteatro da TV Rádio Clube, do Recife. Sua carreira no teatro começou no Movimento de Cultura Popular (MCP) do Partido Comunista, onde dirigiu espetáculos pelo sertão e realizou documentários sobre cultura popular.

Em 1967, Wilker se mudou para o Rio para estudar Sociologia na PUC, mas abandonou o curso para se dedicar exclusivamente ao teatro.

fonte G1 Fotos G1

Presidente presente


O presidente da Câmara de Santa Cruz, Junior Gomes (PSB), esteve nessa quinta-feira (03) participando da entrega dos programas sociais: Telecentro, no Bairro da Acauã, que servirá para aulas de informática, Casa da Cidadania onde funcionará o Projeto Transformar, Vida Nova e 'Pernambuco no Batente, inaugurado no Cruz Alta.

Para o vereador, as inaugurações comtemplam um conjunto de ações provenientes da secretaria de Inclusão Social, administrado pela primeira dama Alessandra Vieira e, transformado em realidade pela administração municipal.
“Lembro que participamos da inauguração de uma rua que tinha um a faixa e dizia ‘quem quer faz!’, e o que vemos é o prefeito querendo, fazendo e transformando essa cidade”. Disse.

Similar ao CIDATEC, realizado pela Câmara, o projeto Telecentro instalado na Acauã, oferece cursos de informática, de forma gratuita para a população local e será uma forma direta de incluir parte dessa população às novas tecnologias.

Em entrevista, Junior Gomes falou da importância da continuidade e acompanhamento do Projeto Transformar, na localidade conhecida outrora como beco da cracolândia . “A primeira etapa foi a implantação da Guarda Municipal Civil na localidade, juntamente com a Polícia Amiga, agora a entrega da casa da Cidadania, além do programa Vida Nova e Pernambuco no Batente, para qualificar esse pessoal que precisa sair dessa situação. Acredito que essa união de todos os poderes e instituições seja o caminho para futuramente possamos ter uma sociedade livre das drogas”. Finalizou.

Qualificação: Jornalistas santa-cruzenses participam de Congresso Nacional


Os jornalistas Gilberto Silva, Magali Oliveira e Melqui Lima participam do 36º Congresso Nacional de Jornalistas. O evento, que acontece no Centro de Convenções Ruth Cardoso em Maceió de 2 a 5 de abril, reúne grandes nomes do jornalismo e da academia brasileira, além de ter sido aberto com palestra do sociólogo francês Dominique Wolton, um dos mais conceituados da atualidade.

A grade do evento é formada por painéis, oficinas e mesas redondas voltados para o jornalismo na web, no rádio, na televisão, no jornal imprenso e na assessoria de imprensa. Entre os palestrantes estão Ascânio Seleme (Editor do Jornal O Globo), Luis Nassif ( jornalista, escritor e blogueiro), Aldo Rebelo (ministro do Esporte), Francisco José (jornalista e repórter da Rede Globo), Jim Boumelha (presidente da Federação Internacional dos Jornalistas), Celso Schroder (presidente da Federação Nacional dos Jornalistas), Antônio Carlos Valadares (senador pelo PSB – SE, autor da PEC do Diploma) e Heródoto Barbeiro (jornalista, escritor e âncora da Record News).

"Sempre paricipo desses congressos e eventos em busca de qualificação. É importante discutir com jornalistas de todo o Brasil". Disse Gilberto Silva.
Os jornalistas levarão ótimas experiências que seram implantadas nos locais que atuam como Prefeitura, Câmara de Vereadores, ALEPE, rádios e blogs.

Reforço paraibano – completando o grupo está a jornalista, pesquisadora e professora da Cesrei (Campina Grande) Silvana Torquato Fernandes.

Postado por G2 Comunicação

Armando elogia Lyra e critica Eduardo Campos



Senador elogiou a criação da Secretaria Estadual de Microempresa (Foto: Allan Torres/Folha)

Após ter colocado o recolhimento de impostos e os micro e pequenos empresários na pauta da pré-campanha ao Governo de Pernambuco, o senador Armando Monteiro Neto (PTB) elogiou, ontem, a criação da Secretaria Estadual de Microempresa, anunciada pelo governador João Lyra Neto (PSB) e que será comandada por Osiris Caldas. Mas não deixou de alfinetar o ex-governador e pré-candidato à Presidência da República, Eduardo Campos (PSB). “O Governo Eduardo Campos, em seus sete anos e meio, não dispensou um tratamento adequado às micro e pequenas empresas”, disparou.

Armando, que é ligado ao empresariado, afirmou que, desta forma, o Governo Estadual entra em sintonia com as políticas já adotadas pela presidente Dilma Rousseff (PT), que desde o ano passado criou a Secretaria da Micro e Pequena Empresa, com status de ministério. O petebista também já vinha criticando a postura do ex-secretário estadual da Fazenda, Paulo Câmara (PSB), que será seu adversário, quanto à política tributária e a atenção à categoria.

Segundo o petebista, já estava na hora de colocar no centro da agenda do Estado o papel das micro e pequenas empresas. “Não posso deixar de me congratular com o novo governador João Lyra, porque em um dos seus primeiros atos de governo, e em linha com o que a presidente Dilma já havia feito no plano nacional desde o ano passado, cria a Secretaria da Microempresa”, disse Armando Neto.

Por Marcelo Montanini
Da Folha de Pernambuco

Passando para desejar a todos leitores deste blog!! Um belo final de semana!!

Apenas refletindo a vida e perguntando. Onde vamos parar?


Fico aqui com meus botões me perguntando até onde vamos parar, revendo aqui uma matéria, e vendo se tem cabimento uma criança de 11 anos que roubou e ainda atirou na polícia. 

Onde vamos chegar? O que fazer para que isso mude? Quem são os responsáveis por tudo isso? Onde está a Solução? Está ai um problema para ser resolvido, e que não é fácil, mais deveria ser, nossos governantes só pensam em um bem está, o próprio. 

Veja quanto dinheiro está sendo gasto nesta bendita copa do mundo, onde se deveria está sendo investido na Saúde, Segurança, e Educação. 

Isso para muitos não vale nada, é apenas um caso que se arrasta por vários anos e nada é feito. Bom e o menino, com 11 anos sua Mãe falou em uma rádio que o mesmo passa a noite fora de casa, até que ponto chegamos, onde uma Mãe ou Pai não disciplina mais os filhos, não se tem o respeito como antigamente, um mundo que a vida não vale nada, e que se tira a mesma por uma causa tão pequena, onde às vezes viver não tem sentido.

Collar Jataúba News.

Confira o resultado da enquete.


Foi perguntado aos internautas. Quem tem razão destes vereadores?

A vereadora Vanessa, porque falou que Paulo Floriano, não tinha vergonha na cara, por ter usado um patrimônio público a seu benefício. 

Ou Paulo Floriano, que usou um carro pipa da prefeitura indevidamente em sua propriedade particular. 

Em dois dias de enquete foram 173 votos.

Com 161 (93%) votos a vereadora Vanessa, teve uma vitória esmagadora, em cima do vereador Paulo Floriano, que ainda achou quem concordasse com sua atitude, de estar desfrutando de um carro pipa, que era para estar beneficiando a população de Jataúba, não em uma obra particular, o mesmo ainda obteve 12 (6%) votos.

Collar Blog Jataúba News.

Lula alerta "Aumenta o conservadorismo no País"



Ex-presidente Lula afirmou, nesta sexta-feira (4), durante evento da pré-campanha a governador do ex-ministro Alexandre Padilha, na cidade de Osasco, em São Paulo, que o período eleitoral é o momento ideal para discutir o conservadorismo no país; "Tem até quem acha que se a mulher coloca um vestido curto merece ser estuprada. Eleição é a oportunidade de discutir esses assuntos", disse; Lula também voltou a falar sobre a possibilidade das manifestações voltarem a ocorrer durante a Copa do Mundo no país; "Se alguém quiser fazer manifestação na Copa que faça. A democracia não é pacto de silêncio, é a sociedade em cena, em movimentação, em busca de mais conquistas, de mais democracia e mais espaço", disse

247 -O ex-presidente Lula afirmou, nesta sexta-feira (4), durante evento da pré-campanha a governador do ex-ministro Alexandre Padilha, na cidade de Osasco, em São Paulo, que "está aumentando o conservadorismo" no Brasil. "Tem até quem acha que se a mulher coloca um vestido curto merece ser estuprada", criticou. Segundo o petista, estes temas devem estar presentes na eleição. "É a oportunidade de discutir estes assuntos", frisou.

Lula também voltou a falar sobre a possibilidade das manifestações voltarem a ocorrer durante a Copa do Mundo no país. "Se alguém quiser fazer manifestação na Copa que faça. A democracia não é pacto de silêncio, é a sociedade em cena, em movimentação, em busca de mais conquistas, de mais democracia e mais espaço", afirmou.

O ex-presidente afirmou que a "sociedade está ficando mais inteligente e cobrando mais". "Isso é bom porque ela está exigindo mais. Quando a gente é governo, se não tomar cuidado, passa a ouvir um tipo de gente que só diz que o mundo não tem defeito e parece que estamos fazendo tudo. De vez em quando é bom sair na rua para ouvir as pessoas. Esse diálogo tem que ser permanente", afirmou

O presidente disse ainda que se o PT vencer a eleição em São Paulo, "aqueles que governam o Estado há tanto tempo nunca mais voltarão a governar". "É possível", frisou.

Campos deixa o Governo e diz que vai unir o Brasil



Agora, oficialmente ex-governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB), entregou o cargo para o vice-governador João Lyra Neto (PSB) em uma cerimônia com clima de campanha; embora tenha evitado fazer críticas à presidente Dilma Rousseff (PT) ou referências diretas ao seu projeto de disputar a Presidência da República, Campos terminou o seu discurso dizendo que, assim como fez ao longo dos sete anos de seu governo à frente do Executivo pernambucano, irá “unir o Brasil para o Brasil avançar”; logo em seguida levantou a mão e completou com um “Vamos para frente”

Paulo Emílio e Mariana Almeida, Pernambuco 247 - Agora, oficialmente ex-governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB), enregou o cargo para o vice-governador João Lyra Neto (PSB) em uma cerimônia com clima de campanha. Embora tenha evitado fazer críticas á presidente Dilma Rousseff (PT) ou referências ao seu projeto de disputar a Presidência da República, Campos terminou o seu discurso dizendo que , assim como fez ao longo dos sete anos de seu governo à frente do Executivo pernambucano, irá “unir o Brasil para o Brasil avançar”. Logo em seguida completou com um: “Vamos para frente” e levantou a mão.

João Lyra, por sua vez, procurou zerar as especulações em torno do mal estar inicial por ter sido preterido na escolha de Campos para a sua sucessão. Segundo ele, o Estado ganhou seu “maior líder nacional” na figura de Campos, e garantiu dará continuidade ao trabalho realizado pelo ex-governador.

Na cerimônia realizada na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), antes da solenidade aberta ao público na Praça da República, em frente ao Palácio do Campo das Princesas, Lyra procurou destacar o clima de sintonia entre os socialistas, visando dissipar os boatos de que ele e Campos ainda estariam se estranhando, após o secretário da Fazenda Paulo Câmara (PSB) ser escolhido pelo ex-governador para disputar o governo de Pernambuco no lugar de Lyra.

Já durante uma missa realizada pela manhã da sexta-feira, Campos declarou que estava preparado para os novos desafios, e afirmou que a próxima empreitada será a maior que já realizou. “Acho que, ao longo da vida, fui me preparando para esse desafio que vou abraçar agora, que é o maior da minha vida”, declarou o gestor, durante a solenidade. “Hoje é um dia especial, onde a gente conclui uma etapa da nossa caminhada e começa outra”, complementou.

Em um vídeo postado em sua página oficial no Facebook, Campos agradeceu ao povo pernambucano os sete anos de mandato e disse que agora “é uma outra etapa, um novo momento” e que quer “ver o que aconteceu em Pernambuco acontecer no Brasil. Vamos unir o Brasil para construir um novo momento, bom e generoso, para o nosso povo”. 

Campos deixou o cargo de governador nesta quinta-feira (3) para disputar a Presidência da República contra a presidente Dilma Rousseff (PT). A exoneração foi divulgada nesta sexta (4) pelo Diário Oficial. A candidatura oficial do governador deve ser lançada no próximo dia 14, em Brasília, em uma chapa com a presença da ex-ministra Marina Silva (PSB), fundadora do Rede Sustentabilidade, no lugar de vice.

Durante a cerimônia desta sexta, também foram empossados os novos secretários da gestão de Lyra em Pernambuco: Marcelo Canuto, (Agricultura), Alessandro Carvalho (Defesa Social), Bernardo d'Almeida (Desenvolvimento Social e Direitos Humanos), João Bosco de Almeida (Infraestrutura), Murilo Guerra, (Trabalho, Qualificação e Empreendedorismo) e Adailton Feitosa (Turismo).