sexta-feira, 16 de março de 2018

"Operação Moulin Rouge" Casas de prostibulo foram fechadas em Jataúba


Na manhã desta sexta-feira (16), policiais de plantão na 111ª Circunscrição Jataúba, em conjunto com Policiais Militares do 24º Batalhão e a Guarda Civil Comunitária de Jataúba, deslocaram-se sob o comando do Delegado João Paulo Ferreira Mendes, a fim de identificar e fechar possíveis casas de prostituição em funcionamento nesta cidade. 


Na ocasião, foram identificados dois prostíbulos. Um sob o comando Emanoel Geová Pedro da Silva, proprietário do “Cabaré da Mana”, e outro de propriedade de Givaldo dos Santos, conhecido popularmente como “Bar do Gil”. 


Ambos mantinham quartos reservados em seus estabelecimentos com a finalidade de fornecer às prostitutas um local para atender seus clientes, motivo pelo qual foram autuados em flagrante pelo crime de manutenção de casa de prostituição e conduzidos à Delegacia de Polícia para a realização dos procedimentos cabíveis.


Ao término dos referidos procedimentos policiais, os ora autuados serão encaminhados para audiência de custódia em Santa Cruz do Capibaribe. 

Esta operação conjunta contou com a participação dos Comissários de Polícia José Ricardo Correia e Luiz Carlos Pires, os Agentes Victor Meressiev e Luís Cavalcanti, dos Policiais Militares João Batista Arquilino e Edigley Douglas, bem como dos guardas civis comunitários Marinaldo Manoel da Silva, Jonata Rosene, Carlos Alberto e Igor Gomes.

Informações da política.

Popular foi conduzido a DP após atirar em via pública na cidade de Jataúba


Um popular foi preso na tarde desta quinta-feira (15), logo após ter feito disparo de arma de fogo em via pública, na cidade de Jataúba Agreste do Estado Pernambucano. 

Durante o patrulhamento de rotina da Polícia Militar, a mesma foi acionada por populares para verificar um possível disparo de arma de fogo em frente a uma residência. Ao chegarem no local foi constatado as veracidades dos fatos, mais o autor do disparo já tinha se evadido do local, mais de posse das informações, a PM foi até na casa do acusado onde o encontrou e o encaminharam para a delegacia de nossa cidade. 

Ainda segundo as informações passadas pela policia, é que Marcondes Antônio dos Santos tinha emprestado um dinheiro a Marcos Antônio de Almeida, que seria um valo de 250,00 Reais isso a um mês atrás. Com a demora do pagamento, Marcondes foi até a residência do Marcos conhecido por Marcos Vigia, ao saber que o mesmo estava almoçando e que depois ele vinha atender, ele tirou de uma bolsa uma espingarda tipo soca-soca e desferiu um tiro em via publica. 

Marcondes foi liberado após pagar fiança, vale ressaltar que o mesmo também está sofrendo de problemas psíquicos. 

Collar Blog Jataúba News.