sexta-feira, 31 de maio de 2013

Tá confirmado! Roberto Asfora tem candidatura deferira pela Justiça Eleitoral


Para alegria geral dos Amarelinhos de Ouro, o candidato Roberto Asfora teve sua candidatura confirmada às 17h55min nesta sexta-feira (31).  A Justiça Eleitoral julgou procedente e deferiu o pedido de registro de candidatura de Roberto Asfora, considerando-o apto para concorrer ao mandato eletivo de Prefeito nas Eleições Suplementares 2013 (dois mil e treze) na 54.ª ZE/PE, Município de Brejo da Madre de Deus, Estado de Pernambuco.

A coligação por um “Brejo Forte” confirma a mesma chapa do pleito do ano passado, Roberto Asfora candidato a Prefeito e Zé Dercílio de São Domingos é o candidato a vice.

“Julgados conjuntamente os Processos n.º 6-08.2013.6.17.0054 e n.º 7-90.2013.6.17.0054, dos Candidatos ROBERTO ABRAHAM ABRAHAMIAN ASFORA e JOSÉ DERCÍLIO DA SILVA, respectivamente, lançados pela Coligação "POR UM BREJO FORTE" à eleição suplementar neste Município de Brejo da Madre de Deus/PE para concorrerem aos mandatos eletivos de prefeito e vice-prefeito, respectivamente, e tendo sido procedido ao exame individualizado de cada uma das candidaturas, entendendo que ambos os Candidatos são considerados aptos, DEFIRO O REGISTRO DA RESPECTIVA CHAPA”, diz a sentença as Juíza da 54ª Zona eleitoral em Brejo da Madre de Deus, Marcyrajara Gois de Arruda.

A eleição suplementar acontecerá no dia 7 de Julho, os brejenses voltaram às urnas para escolher o novo prefeito e vice. Pode votar na nova eleição aqueles que tiraram ou transferiram o título até o dia 7 de maio de 2013.

Do Estação Notícias

Mamão deu entrevista na Radio Vale do Capibaribe AM


Mamão concedeu entrevista nesta sexta 31/05 na radio Vale do Capibaribe junto a Radio Filadélfia FM e Radio Integração FM

Onde ia trata de outros assuntos foi pego de surpresa pelas pessoas que ali estavam e foi levado para uma entrevista de ultima hora onde foi feita varias perguntas no tocante jataúba que foi respondida de uma por uma onde vou destacar uns pontos que por ele foi levantado falou sobre a questão escola do estado que pelo visto ia ter mais um ano perdido por falta de carros para o transportar os alundo que residem nos sítios. devido um mau esta que houve entre os motoristas que carregavam os alunos e o gestor anterior foi perdido o segundo semestre do ano passado e por visto este ano ia ser a mesma coisa depois do atual prefeito ter jogado a toalha ele Mamão procurou o gestor da GRE de Caruaru Antonio Fernandes juntamente com toinho e o Dep: Diogo Moraes conseguiram implanta o trasporte escolar e inclusive os toyoteiros ja receberam seu primeiro mês.

e para que seja recuperado os dias letivos perdido os alunos passaram a estuda nos sábados ate que seja normalizado sua aulas.

  Aproveitando que tava falando sobre os alunos falou sobre os professores e sobre esta guerra que ta sendo causada devido um um projeto que foi mandado para câmara e foi aprovado e acabando com PCC. se acabar PCC é destruí com a educação onde cada vez mais nossa educação vai pra o ralo.

Falou no desenvolvimento de jataúba onde esta paralisado a muitos anos que deveria ser visto com bons olhos pelo gestor desta cidade que jataúba já figura no senário da sulanca onde ate já é conhecida como a terra da cueca e da calcinha. cade o incentivo pra estes que carregam nossa cidade nas costas sem nem um beneficio, que possa ajudar nossos sulanqueiros e nossos trabalhadores.

Sobre a segurança mamão falou que poderia ser melhor e acredita que vai melhora depois da criação do 24° Batalhão onde ira beneficiar nossa região.inclusive Jataúba.




Escrito por collar

Blog Jataúba News

Continua a mesma coisa nada sai do lugar !!!



Por Carlos Chagas

Dos quatro candidatos já evidenciados para a disputa da presidência da República, ano que vem, nenhum apresentou mais do que exortações a respeito do futuro do país. Com tanta antecedência não se exigirá de Dilma Rousseff, Aécio Neves,Marina Silva e Eduardo Campos que disponham de programas de ação,antigamente chamados de “plataformas” de candidatos. Há tempo para isso.

No entanto, pelas preliminares e slogans até agora conhecidos, como o de que “é possível fazer mais e melhor”, fica evidente por parte deles a falta de imaginação e de vontade para sensibilizar a opinião pública e propor mudanças fundamentais. Os quatro, com todo o respeito, são vinhos da mesma pipa. Meros seguidores do modelo que nos assola faz tempo, incapazes de apresentar propostas em condições de mudar o Brasil. Quer dizer, acomodam-se à fórmula de que o país deve seguir adiante dispondo de ricos e pobres, privilegiados e massacrados, exploradores e explorados. Uns mais, outros menos, todos pretendem manter a ordem social, econômica e política sem maiores alterações. Nem reformistas parecem, quanto mais revolucionários.

Seria no mínimo curioso saber como reagiria a nação caso um candidato, não os atuais, mas alguém novo, prometesse estabelecer a proibição de demissões nas empresas privadas e no serviço público por um tempo determinado. Que concluísse que salário não é renda e, portanto, extinguisse o Imposto de Renda dos assalariados. Que proibisse a evasão de recursos para o exterior, tanto faz se como remessa de lucros ou investimentos externos. Que abolisse o direito de empresários de retirarem de suas empresas os recursos para suas despesas particulares, obrigados a arcar com elas de seus salários, certamente limitados a um patamar auferido pelos ministros do Supremo Tribunal Federal. Que estabelecesse a prevalência do interesse nacional sobre o interesse privado, restringindo o direito de herança aos limites da sobrevivência do herdeiro e submetesse a empresa familiar à lógica da participação de todos os seus empregados na definição de seus rumos e resultados. Que estabelecesse o Imposto Sobre Grandes Fortunas e não permitisse conglomerados de atividades distintas controlados pelos mesmos personagens.

Mas tem mais. Importante seria, para esse candidato desconhecido, prometer que recursos judiciais seriam admitidos, mas que após a condenação dos réus em primeira instância, só pudessem apelar de dentro da cadeia, sem benefícios abertos aos privilegiados financeiramente. Que tal considerar a população indígena como parte integrante do estado nacional, jamais como nações independentes. Por que não acabar com a isenção de impostos para todo o tipo de igrejas e organizações religiosas sustentadas pela fé popular e tantas vezes exploradas por vilões travestidos de condutores da sociedade.

Seriam inúmeras as propostas de um candidato alternativo que se apresentasse diante dos concorrentes já alinhados. Coisa impossível de acontecer, porque primeiro seria preso, senão queimado na fogueira, antes que expusesse sua plataforma...

É amanha!!!


Jataúba é contemplada junto ao governo federal com duas maquinas para beneficiar a população



Governo federal em parceria com varias cidade entre elas jataúba também foi incluída para que fosse entregue uma patrol e uma reto escavadeira onde ira beneficiar nossa população rural. onde jataúba tava carente destas a vários anos. onde nossas estradas estão intransitáveis onde semana passada o vereador Chico de Irineu tirou dinheiro do seu próprio  salário para fazer um tapa buraco entre jataúba e riacho do meio agora a população que mora nos sitios vizinhos não vão ouvir que falta maquina agora so resta velas trabalhando em beneficio da nossa população.

Escrito por collar 
Jataúba News