quinta-feira, 15 de setembro de 2016

Corpo de Domingos Montagner é encontrado; ator morre aos 54 anos



O Corpo de Bombeiros de Sergipe acaba de confirmar a morte de Domingos Montagner. Reginaldo Dória, comandante que operava buscas no local informou ao EXTRA que o corpo do ator foi encontrado sem vida. Ele estava preso às pedras, em Canindé de São Francisco, na divisa dos estados de Alagoas e Sergipe, após afogamento no Rio São Francisco.

Depois de gravar cenas da reta final da novela "Velho Chico", o ator aproveitou a folga junto com a colega de elenco Camila Pitanga, seu par romântico, para dar um mergulho no rio. A correnteza levou o artista, que desapareceu nas águas por volta das 14h30. Segundo informações do coronel Fábio Fonseca Rolemberg, Camila se desesperou, gritando pelo nome do amigo.

— Ele estava tomando banho de rio com a atriz Camila Pitanga quando a correnteza o levou — disse o militar. A equipe ficou em estado de choque e todas as gravações foram canceladas na hora.

De acordo com os bombeiros, o corpo de Domingos Montagner estava a 18 metros de profundidade e a 320 metros do local onde o ator foi visto pela última vez. Ele estava preso entre duas pedras. O corpo foi retirado da água e será levado para o IML.

O ator, de 54 anos, deixa a mulher, a atriz e produtora Luciana Lima, e três filhos: Leo, 11 anos, Antônio, 7, e Dante, 4.


Domingos com a mulher, Luciana, na festa de lançamento da novela "Sete Vidas" Foto: Marcos Ramos / Agência O Globo

Camila Pitanga já havia encerrado o seu depoimento e estava no hotel junto com todo o elenco quando a morte do ator foi confirmada. Segundo o recepcionista Adriano, o clima era de tristeza e apreensão no local. "Todos estão muito abalados, chorando", comentou.

Ele comentou ainda que Domingos Montagner chegou ao local, na cidade de Canindé de São Francisco, em Sergipe, nesta quarta, e retornaria ao Rio na sexta. Nesta manhã, ele fez uma caminhada pelo hotel antes das gravações.


Camila Pitanga e Domingos Montagner, protagonistas de "Velho Chico" Foto: Rede Globo/Divulgação

Carreira iniciada no circo e no teatro

Antes de se tornar um dos atores mais disputados da TV Globo, Domingos Montagner teve o picadeiro como o seu principal palco. Foi no Circo Escola Picadeiro e no curso de interpretação Myriam Muniz, em São Paulo, que o intéprete do Santo da novela "Velho Chico" desenvolveu sua veia artística, nos anos 1980, se tornando ator, artista circense e palhaço. As técnicas da arte de popular, das apresentações de rua, foram as mais exploradas até chegar à TV, em 2008, no seriado "Mothern", do GNT.

Nascido em 26 de fevereiro de 1962, em São Paulo, Domingos, criador do grupo circense "La Mínima", estreou na TV Globo em 2010 nas séries "Força tarefa" e "A cura". No ano seguinte, emplacou outro trabalho na emissora, dessa vez fazendo par romântico com Lilia Cabral na série "Divã". Com a primeira novela, "Cordel encantado" (2011), a popularidade do artista ganhou proporção nacional. Pela sua atuação como o Capitão Herculano, foi indicado ao Prêmio Extra na categoria Ator Revelação. O sucesso na trama de Duca Rachid e Thelma Guedes fez com que ele fosse escalado para protagonizar a minissérie "Brado Retumbante", de Euclydes Marinho, em 2012.


Domingos Montgner e Débora Bloch na "Sete vidas" Foto: João Miguel Júnior / Agência O Globo

Mais novelas cruzariam o caminho de Domingos. Em 2012, o ator atuou em "Salve Jorge", de Gloria Perez. No ano seguinte, o artista fez um dos principais personagens da novela "Joia rara", voltando a trabalhar com as autoras Duca Rachid e Thelma Guedes. Em 2015, protagonizou "Sete vidas", de Lícia Manzo. O ator morreu interpretando o protagonista de "Velho Chico", o agricultor Santo.

Estreia no cinema foi em 2012

Domingos fez a sua estreia na sétima arte em 2012. O primeiro filme do ator foi "Gonzaga - de pai pra filho", em uma participação especial. "De onde eu te vejo", de 2016, é outro longa-metragem na carreira do artista. Atualmente, está em cartaz nos cinemas com "Um namorado para minha mulher", em que contracena com Ingrid Guimarães.

Rede Globo envia comunicado:

"​O ator Domingos Montagner, 54 anos, que desapareceu na tarde desta quinta-feira, dia 15, enquanto nadava no rio São Francisco, no município de Canindé do São Francisco, em Sergipe, foi encontrado morto perto da usina de Xingó, preso nas pedras, a cerca de 30 metros de profundidade. 

Hoje, o ator Domingos Montagner gravou cenas de Velho Chico na parte da manhã e, depois de gravar e de almoçar, foi tomar um banho de rio. Durante o mergulho, o ator não voltou à superfície. A atriz Camila Pitanga, que estava no local, avisou à produção, que iniciou imediatamente as buscas, com a ajuda de helicópteros do Grupamento Tático Aéreo, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e pescadores da região. 

Um dos grandes atores da atualidade e intérprete do personagem Santo na novela ‘Velho Chico’, Domingos nasceu em São Paulo. Antes de se tornar conhecido nacionalmente por meio de personagens marcantes de novelas e minisséries, trilhou uma bem-sucedida carreira no teatro e no circo, sua grande paixão. Formado pelo Circo Escola Picadeiro, criou em 1997, ao lado do diretor Fernando Sampaio, o La Mínima. Com 12 espetáculos, o grupo obteve grande destaque em 2008 com a montagem ‘A Noite dos Palhaços Mudos’, que rendeu a Domingos o Prêmio Shell de Melhor Ator. Em 2003, em mais uma parceria com Sampaio, criou o Circo Zanni, do qual era diretor artístico. 

A estreia na TV foi no seriado ‘Mothern’, no GNT, em 2008. A participação especial como o personagem João abriu as portas da televisão para Domingos que, em pouco tempo, se tornou um dos atores mais queridos e elogiados do país. Em 2010, ele participou do seriado ‘Força Tarefa’, de Marçal Aquino e Fernando Bonassi, e da série ‘A Cura’, de João Emanuel Carneiro. Com o sedutor Carlos, da série ‘Divã’, em 2011, chamou definitivamente a atenção do público, que voltou a aplaudi-lo no mesmo ano, quando viveu o Capitão Herculano Araújo na novela ‘Cordel Encantado’, de Thelma Guedes e Duca Rachid. Pelo papel, recebeu os prêmios Contigo e Melhores do Ano (Domingão do Faustão), ambos na categoria Ator Revelação. 

Em 2012, ele interpretou seu primeiro protagonista, Paulo Alberto Ventura, presidente do Brasil no enredo da minissérie ‘O Brado Retumbante’, de Euclydes Marinho. Mais um personagem marcante, pelo qual recebeu o prêmio Contigo na categoria de Melhor Ator de Série/Minissérie. No mesmo ano, atuou em ‘Salve Jorge’, de Glória Perez, como Zyah. O sucesso na TV o levou ao cinema em 2012, com uma participação especial no longa-metragem ‘Gonzaga – de Pai Pra Filho’, de Breno Silveira.

Em 2013, voltou a viver um personagem criado pelas autoras Thelma Guedes e Duca Rachid, o revolucionário Raimundo Fonseca (Mundo) da novela ‘Joia Rara’. Em 2015, interpretou Miguel, o protagonista de ‘Sete Vidas’, de Lícia Manzo, e deu vida ao icônico delegado Espinosa, criado pelo escritor carioca Luiz Alfredo Garcia-Roza e adaptado para a televisão na série ‘Romance Policial – Espinosa’, do GNT. Ainda no ano passado, o ator participou dos longas-metragens ‘Vidas Partidas’ (Marcos Schechtman), ‘De Onde te Vejo’ (Luiz Villaça) e ‘O Outro Lado do Vento’ (Walter Lima Jr). No final de agosto, o ator lançou ainda a comédia ‘Um Namorado para Minha Mulher’, de Julia Rezende

Domingos deixa a mulher, Luciana Lima, e três filhos."


Extra.globo

Bombeiros fazem buscas por Domingos Montagner; TV Globo confirma o desaparecimento



Domingos Montagner, o Santo de 'Velho Chico' (Foto: Inácio Moraes/Gshow)

Bombeiros e a polícia de Sergipe estão fazendo buscas por Domingos Montagner na região de Canindé de São Francisco, onde o elenco de "Velho Chico" está gravando as cenas finais da novela. De acordo com o relato do soldado Carlos Santos, do 4º BPM, uma viatura da polícia militar passava pelo local quando o motorista que estava acompanhando o ator pediu socorro.

Domingos aproveitou uma pausa na gravação para dar um mergulho e teria desaparecido. Camila Pitanga estava junto com o ator e passa bem. Ela foi à delegacia local para prestar depoimento.

Com o alerta feito pelo motorista, os policiais pegaram um barco e fizeram buscas por cinco minutos mas não encontraram o ator.

- Entramos no rio por quatro, cinco minutos, mas achamos melhor chamar os bombeiros. O pessoal de uma agência de turismo está ajudando na procura - contou o soldado.

Os bombeiros foram acionados, assim como reforços da PM. Dois helicópteros estão sobrevoando o local. Lanchas e mergulhadores também fazem buscas pelo rio.

Tanto o diretor Luiz Fernando Carvalho quanto o ator Marcelo Serrado, que estão em Alagoas, não sabem informar detalhes sobre Domingos:

- Estou em Alagoas, com Marcelo Serrado e Marcos Palmeira, gravando no meio do São Francisco. Domingos não estava em gravação. Era folga dele, estava passeando. Não temos informação - diz Luiz Fernando.

A assessoria de imprensa da Globo confirmou que o ator encontra-se desaparecido. "Durante o mergulho, o ator não voltou à superfície. A atriz Camila Pitanga, que estava no local, avisou à produção, que iniciou imediatamente as buscas pelo ator. Helicópteros do Grupamento Tático Aéreo, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e pescadores da região estão ajudando nas buscas, mas até o momento o ator continua desaparecido", informa o comunicado.

Benedito Ruy Barbosa, autor da novela com o neto Bruno Luperi, está em sua casa, em São Paulo, e se comunicou com o diretor. Ele também está à espera de notícias:

O Globo

Casal que residia em Toritama é assassinado na Paraíba



Na tarde de quarta-feira (14) um casal que residia em Toritama foi assassinado a tiros na BR-104, nas proximidades do distrito de Gameleiras, que pertence a cidade de Alcantil.

De acordo com as informações da polícia paraibana, uma das vítimas é o ex-presidiário Elvis Marques da Silva (26 anos), que residia na cidade de Toritama.

Já a segunda vítima não foi oficialmente identificada, mas informações extraoficiais dão conta que a mesma é conhecida apenas como “Maria”.

O crime, de acordo com a polícia, teria acontecido por volta das 16h30 quando o casal, que seguia de moto sentido Paraíba, teria sido alvo de uma perseguição e acabou sendo alvejado a tiros ainda na pista.

Samu chegou a ser acionado, mas ambos estavam mortos

Feridos, Elves perdeu o controle da moto e ambos caíram em uma ribanceira, onde foram executados. Elvis levou vários disparos na cabeça. Já a mulher foi morta com disparos nas costas.

Ainda de acordo com a polícia, mesmo tendo sido mortos na Paraíba, a investigação deve ficar a cargo da delegacia de Toritama.

Os corpos foram periciados e removidos para o Núcleo de Medicina e Odontologia Legal (Numol), da cidade de Campina Grande.

Blog do Ney Lima 

Policia recupera carga de medicamentos roubada


A policia militar conseguiu recuperar a carga de medicamentos que foi roubada na madrugada de ontem (14), em Caruaru. Segundo a policia, a carga tinha rastreador e na tarde de ontem conseguiram captar o sinal em Belo Jardim. 

Uma equipe da policia consegui com a localização do rastreador recuperar as duas vans. Mas os veículos estavam sem os medicamentos. 

Então pegaram o trajeto do GPS descobriram que a van tinha passado cerca de 30 minutos em uma chácara no bairro Santo amaro II, em Bezerros. 

Outra equipe foi ao local e encontrou toda carga de medicamentos. O caseiro da chácara falou a policia que o suspeito de der roubado a carga fugiu antes da policia chegar.

Fonte Caruaru no Face Foto: TV Jornal

Polícia Militar prende integrantes de quadrilha e recupera quatro carros roubados e cinco armas de fogo



A policia militar fez uma operação ontem no bairro Agamenom Magalhães e no Loteamento Cidade Alta em Caruaru, para prender uma quadrilha que praticava roubo de cargas, assaltos e adulteração de veículos. As equipes do NIA, Oficial de Operações, Caça Homicida, Rocam e Patrulha do Alto do Moura, que montaram um cerco e conseguiram localizar e prender dois homens e na casa deles os policiais apreenderam quatro carros roubados, sendo uma picape S-10 branca, uma picape S-10, um Fox preto e um Corsa Sedan prata, todos com placas clonadas. Também foi localizado 5mil marços de cigarro, 3 coletes balísticos, e cinco armas de fogo: uma espingarda calibre 12, duas pistolas ponto 40, dois revólveres calibre 38.


Os dois homens presos foram autuados em flagrante pelos crimes de posse ilegal de armas de fogo, receptação, associação criminosa e contrabando e serão levados a audiência de custódia que vai decidir se eles serão ou não encaminhados ao presídio de Santa Cruz do Capibaribe.


Fonte Caruaru no Face

Vereador é preso em Escada com armas e alimentos para compra de votos


Acusado de posse de armas e pelo crime de agiotagem, José Mário do Nascimento, vereador de Escada, na Mata Sul, pelo PV, foi preso nessa terça-feira (13), em um posto de gasolina no município. Com ele, foram apreendidos alimentos em fardos, que, segundo o delegado Rogaciano Campos, seriam embalados como cestas básicas que poderiam ser usadas para comprar votos no período eleitoral. O parlamentar, conhecido na cidade como Zé Amaro do Alvorada, não é candidato este ano, mas a irmã dele está na disputa pelo mesmo partido.

De acordo com o delegado, a polícia já havia recebido diversas denúncias sobre o vereador, mas a investigação dos crimes não havia avançado. Essa semana, porém, após receber uma ligação pelo Disque-Denúncia, o mandado de busca e apreensão foi concedido pela Justiça e a polícia teve autorização para entrar na casa dele, onde encontrou, além dos alimentos, notas promissórias no valor de R$16.742, dezenas de cheques e agendas com anotações de valores referentes aos devedores. Ainda foram apreendidas uma espingarda calibre 12 de repetição, uma pistola 380 e munições.

Por ocultação da pistola, a empregada de Zé Amaro do Alvorada, Ana Cleide da Silva, também foi autuada. Ela pagou fiança e vai responder ao processo em liberdade. Já o parlamentar foi recolhido à Cadeia Pública de Escada. O vereador admitiu a posse das armas em depoimento, mas não o crime de agiotagem, segundo Rogaciano Campos. “Só faz agiotagem quem tem coragem know-how para ameaçar as pessoas”, afirmou o delegado.

Blog do Vanguarda 

Elemento é morto durante troca de tiros com a polícia em Vertentes



Na noite desta quarta-feira (14) um elemento foi morto durante troca de tiros após praticar um assalto contra um mercadinho no Centro de Vertentes junto de um comparsa. Na ocasião, o elemento baleou um morador que reside em frente ao estabelecimento comercial, ao tentar fugir, a dupla se deparou com a polícia que passava pelas proximidades, onde teve início uma intensa troca de tiros.

Segundo informações, o elemento que se encontrava na garupa começou a realizar os disparos que atingiu de raspão a perna de um policial militar, porém em seguida o meliante identificado como sendo Flávio Gomes Cavalcanti (33 anos) foi alvejado e vindo a óbito no local. o mesmo estava com um mandado de prisão em aberto e estava foragido da penitenciária de Alcaçuz (RN).


O outro elemento fugiu de moto, possivelmente baleado em direção ao Sítio Jaburu, zona rural de Vertentes. Na investida, o policiamento apreendeu uma pistola 40.

O policial e o morador que foram baleados foram socorridos pelo SAMU, não correm riscos de morte.

Blog do Ney Lima