terça-feira, 27 de maio de 2014


Deputado presente: Diogo visita a cidade de Frei Miguelinho


O deputado Diogo Moraes (PSB) esteve neste domingo na cidade de Frei Miguelinho. Lá visitou residências de várias famílias, sempre acompanhado pelo vereador Morotó (DEM). Diogo se mostrou muito feliz com a receptividade dos populares que puderam abraça-lo e conversar sobre o dia-a-dia da cidade.


“Diogo é um deputado presente e atuante, que se mostra responsável e leal com o nosso povo. Apoiar o seu projeto político torna-se fácil, pois ele faz parte de uma geração de novos políticos, que olham para o futuro, mas sem deixar de lado o presente de Pernambuco”, falou Morotó.


O deputado falou da importância da parceria política que mantém com o vereador. “Através da atuação de Morotó posso estar cada dia mais próximo do povo de Frei Miguelinho. Prezo por parcerias como esta, que é baseada no bem do povo e acima de tudo, na busca por dias melhores para o nosso povo”, falou Diogo.

Com Informações Assessoria 

Congresso pode votar vetos presidenciais nesta terça-feira


O Congresso Nacional tem sessão marcada para as 19 horas desta terça-feira (27) para analisar 14 vetos da presidente Dilma Rousseff a projetos de lei. O principal deles é o veto total ao Projeto de Lei Complementar 416/08, do Senado, que regulamentava a criação de municípios, estabelecendo critérios como viabilidade financeira, população mínima e plebiscito.

Ao vetar esse projeto, a presidente argumentou que as regras permitiriam a “expansão expressiva” do número de municípios no País, com aumento de despesas de manutenção de sua estrutura administrativa e representativa.

No Senado, o autor do projeto, senador Mozarildo Cavalcanti (PTB-RR), apresentou outro texto (PLP 397/14) sobre o tema que já está em tramitação na Câmara. O governo concorda com esse novo texto, que facilita a criação de municípios no Norte e no Nordeste. Nas outras regiões, o projeto prevê novas exigências, além de incentivos para a fusão e incorporação de municípios que se mostraram inviáveis economicamente.

O PLP 397 pode ser votado no Plenário da Câmara dos Deputados na quarta-feira (28).


www.filadelfiafm.net

Caminhão Pipa capota após tentar se desviar de queda de árvore

Fotos: Fernando Lagosta.

Na tarde desta terça-feira (27) aconteceu um acidente na PE-160 nas proximidades da pista de Motocross “Dedé Canela”, que envolveu um caminhão Pipa, onde acabou capotando na via.


De acordo com o condutor do caminhão Júnior, o fato aconteceu devido a um corte de uma árvore, que acabou caindo na PE e no intuito de desviar, acabou capotando o veículo.


O condutor não teve ferimentos, porém um senhor que também estava no veículo teve ferimentos leves. O popular que estava cortando a árvore se evadiu do local.

Blog Ney Lima

Jataúba está de luto.


Morreu no Recife hoje pela manhã, o Sr. Valdir Jose da Silva (Valdir de Corujinha), Valdir estava internado há vários dias no Hospital São Marcos na capital pernambucana, o mesmo tinha 63 anos de idade, e vinha lutando contra uma leucemia.
 Valdir de Corujinha também gostava de nossa política, e disputou o pleito de 2012, tentando almejar uma vaga na câmara de vereadores pelo grupo de oposição, e também era funcionário da ADAGRO.   

10/05/1951 a 27/05/2014



Jataubenses rumo a mais um título.


Na próxima sexta-feira tem final no futsal, e a Equipe Jataúba Black Label irá disputar a final da Copa Rota do Mar da 1ª divisão contra a Equipe de Pão de Açúcar, levando o nome de nossa Jataúba mais uma vez como sempre vem fazendo. A direção da Equipe nos passou que vai ter carro disponível para os torcedores que querem ir assistir o jogo, os mesmos estarão disposição as sete da noite em frente a Igreja Matriz de nossa Cidade.


Com todo o favoritismo conquistado durante esta competição, a Equipe Jataúba Black Label, aposta todas as suas fichas no artilheiro Jefferson, que no ultimo confronto saío do banco, e mudou todo o rumo da partida, com belos dribles e assinalando dois gols, e levando o seu time a mais uma vitória. 

Collar Blog Jataúba News

O ex-prefeito Petrônio Siqueira falou com a nossa equipe sobre seu apoio a Mendonça Filho, e sobre a administração do atual prefeito em nossa cidade.


Sobre o apoio a Mendonça Filho

“Hoje eu vejo um apoio a Mendonça Filho uma normalidade, e sem falar no apreço que eu tenho por ele, e que mais tarde possamos contar com ele também, para o apoio do nosso grupo, ou seja o grupo de Mamão, onde seria uma soma a mais daqui a dois anos, devemos olhar para frente, criar raízes profundas e fazer que fique sólida, só assim podemos entrar em outra batalha em dois mil e dezesseis”. 


Como você analisa o senário de nossa Política? 

"Hoje vejo a politica de Jataúba em um senário muito favorável ao grupo de Mamão, estamos colhendo bons frutos, trouxemos o vice-prefeito Luzimario para nossa bancada e Nildo da Empoeiras, se um grupo começa a se desgastar sair seus componentes fica difícil segurar o vagão nos trilhos, é por isso que vejo o grupo do líder politico Mamão em uma crescente”. 


Com relação a gestão do prefeito neste mandato o que você tem a dizer?

“Olhando para o governo do prefeito Antônio de Roque, está muito parecido quando eu perdi meu mandato, trabalhei muito mais estava desgastado diante da população, hoje o prefeito atual se encontra no mesmo patamar, já vem dominando nosso município a muito tempo, tem que haver esta mudança, para que nossa cidade não fique na mesmice, estas obras que estão saindo agora, com certeza não vai agregar em votos, ele está devendo isto a muito tempo a população. E tem uma coisa que eu não posso negar, é que ele é um grande político mais um mal administrador, não vai adiantar ele querer mostrar para população algo que ele não pode ser de uma hora para outra, acho isso muito difícil”. Falou Petrônio Siqueira 

Collar Blog Jataúba News

Mendonça Filho marcou presença em Jataúba neste ultimo sábado


Neste ultimo sábado o deputado federal Mendonça Filho esteve visitando o nosso município, desta feita ele esteve na fazenda do amigo Jodinha, onde já tinha prometido uma visita ao mesmo, em uma tarde de muito bate papo político é claro, o deputado falou com a nossa equipe. 


“Estou muito confiante e muito agradecido, pelo os apoios que estou tendo nesta região, tanto de Santa Cruz do Capibaribe quanto de Jataúba, sei que meu nome já diz tudo em termo de trabalho, basta olhar um pouco a traz, onde meu pai realizou vários trabalhos nesta região, eu também tenho uma história política aqui em Jataúba que possa ser caracterizada como trabalho, na época em que fui vice-governador e governador, fizemos esta pista que liga Santa Cruz a Jataúba e Jataúba até Brejo da Madre de Deus, assim tirando Jataúba do isolamento”. 


“Hoje vejo Jataúba avançar cada vez mais, tudo isso se deve-se a ligação que ela tem com as PE 160 e 145 interligando com as demais cidades, a viabilidade traz crescimento, e quem foi beneficiado com essa viabilidade foi à população jataubense, que hoje ostenta o titulo de Capital da Calcinha e da Cueca”. Falou o Deputado

Collar Blog Jataúba News


Imagens deste sábado na Fazenda de Jodinha, onde o deputado Federal Mendonça Filho veio fazer uma visita.














































Imagens Collar Blog Jataúba News

Imagem do dia!! Por do sol em Jataúba ontem a tarde.




Venha você também para..

Eduardo compara Marina a Lula e diz que agronegócio não deve temer



Presidenciável do PSB diz que agronegócio vai compreender a importância de Marina Silva (Foto: Reprodução)

Especial para o Blog da Folha

O presidenciável Eduardo Campos (PSB) afirmou que a ex-senadora Marina Silva (PSB), provável vice de sua chapa, será uma “oportunidade e não uma ameaça” ao agronegócio brasileiro. As declarações foram dadas durante um café da manhã com empresários paulistas nesta segunda-feira (26).

Campos comparou o temor dos empresários do agronegócio com Marina Silva ao medo que os grandes empresários tinham do ex-presidente Lula (PT), por ocasião de sua reeleição em 2006, e falou que o modo de governar do petista foi uma “surpresa agradável para muitos”. O socialista também disse que é uma ilusão acreditar que é possível desenvolver o agronegócio sem levar em conta a sustentabilidade ambiental.

“Eu via o empresariado brasileiro também com uma grande preocupação durante a campanha do ex-presidente Lula. Preocupação que se assemelha ao que se tenta passar hoje em relação a Marina. No final, muitas pessoas que tinham esse mesmo tipo de preocupação, quando viram o presidente Lula governando foi uma agradável surpresa para muitos. Naquela oportunidade não foi uma surpresa para mim, como não vai ser surpresa ver o agronegócio compreendendo o quanto é importante a Maria ser vice-presidente”, afirmou.

Eduardo Campos, que é presidente nacional do Partido Socialista Brasileiro, também fez questão de afirmar que conduzirá o seu governo dentro dos limites do sistema capitalista de produção.

“Como presidente da República, desejo deixar muito claro ao país que o presidente não terá nenhum tipo de preconceito contra o capital privado e contra o lucro. Nós vamos dirigir o país no sistema capitalista. Desejamos que haja investimento e que esse investimento tenha retorno para dar oportunidade de trabalho e gerar crescimento da nossa economia, um crescimento sadio e sustentável”, declarou.


O melhor preço é na...
Aqui seu corpo sempre está em forma.

O melhor lugar para sua casa.

No Roda Viva, Campos se diferencia de Aécio, de Marina e se esquiva de Lula



Ex-governador também voltou a criticar a política-econômica do Governo Dilma (Foto: Reprodução)

Entrevistado na noite desta segunda-feira (26) no programa Roda Viva, da TV Cultura, o ex-governador e presidenciável Eduardo Campos (PSB) buscou se diferenciar do tucano Aécio Neves e de sua própria vice, Marina Silva (PSB). O pernambucano ressaltou que suas divergências em relação ao senador são marcantes, destacando a estada em campos políticos opostos durante os últimos anos, e, apesar de frisar que possui afinidades significativas com a sua correligionária, pontuou que eles possuem diferenças explícitas. Campos citou a sua militância no chamado desenvolvimentismo e a de Marina no ambientalismo como exemplo.

Entretanto, ao ser questionado sobre o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o ex-governador de Pernambuco preferiu se esquivar. Eduardo evitou direcionar críticas ao líder maior do PT e não respondeu ao ser questionado se será candidato caso o petista substitua a presidente Dilma Rousseff na corrida sucessória nacional. ”Ele já disse que não será candidato”, destacou. A jornalista Dora Kramer chegou a dizer que o ex-governador foge do “assunto Lula”.

2º TURNO

A possibilidade de ficar fora do segundo turno presidencial não entra na pauta do ex-governador Eduardo Campos. Na entrevista ao time de jornalistas do Roda Viva, o socialista afirmou que não possui pacto algum de apoio com nenhuma candidato. “Não sou estou disputando o segundo lugar. Estou disputando o primeiro lugar no primeiro turno”, assinalou.

AGRONEGÓCIO

Instado a responder como será a sua relação com o agronegócio, Eduardo exaltou os resultados que o setor exibe no País nos últimos anos, porém, procurou buscando uma aproximação com a sustentabilidade. Campos destacou que, para exportar, os grandes produtores terão que atender requisitos que dialogam diretamente com a responsabilidade ambiental.

SEGURANÇA

O ex-governador Eduardo Campos acusou o Governo Federal de ser omisso na questão da segurança pública. O socialista afirmou que a responsabilidade tem ficado apenas na conta dos estados, destacando que, em Pernambuco, ele obteve resultados positivos no enfrentamento, principalmente, ao alto número de homicídios. ”O governo não quer entrar nesse tema”, sentenciou.

PSDB

Eduardo afirmou no Roda Viva que os tucanos, incluindo o seu presidenciável Aécio Neves, tem dificuldade de reconhecer avanços conquistados durante os governos do ex-presidente Lula. Disse também que ele, inclusive, tiveram a mesma dificuldade de reconhecer os avanços dos governos FHC, numa alusão a campanha do ex-governador José Serra (PSDB), que não citava o correligionário em sua propaganda eleitoral.

MEDO x TERRORISMO

Na esteira do programa partidário do PT que apresentou uma preocupação, simbolizada pelo medo, de que as conquistas sociais dos últimos anos fosse enterradas com a provável vitória de nomes da oposição na eleição presencial, Campos rememorou que foram justamente os tucanos que utilizavam esse tipo de discurso. O socialista, no entanto, bateu na estratégia classificando-a como terrorismo. ”A população já tem medo demais”, pontuou.

BEM-ESTAR

Eduardo frisou que as manifestações violentas que foram registradas nas ruas do País podem ser reflexo da insatisfação que a população apresenta com o atual governo. Campos destacou que episódios de corrupção, aliado a uma provável sensação de diminuição da sensação de bem-estar, por conta dos problemas relacionados à economia, alimentam reações bruscas e violentas de quem se vê à margem dos ganhos do País.

Blog da Folha 

Confira a entrevista de Eduardo Campos ao Roda Viva

Fone 8211-3187 e peça a sua Pizza
Referencia

TCE rejeita contas de ex-prefeito de São Vicente Férrer



A 1ª Câmara do Tribunal de Contas do Estado (TCE) emitiu parecer prévio, por unanimidade, recomendando à Câmara de São Vicente Ferrer, a rejeição das contas de governo da prefeitura da cidade, relativas ao exercício financeiro de 2012, época em que o município era gerido pelo prefeito Pedro Augusto Pereira Guedes (DEM). De acordo com o voto do relator, conselheiro Carlos Porto, foram cometidas várias falhas relativas à aplicação de limites de recursos nas áreas de educação, saúde, previdência social e gestão previdenciária.

Durante o exercício citado, o gestor consumiu todo o saldo de “restos a pagar”, não deixando saldo para o seu sucessor, o que fere o Artigo 42 da Lei de Responsabilidade Fiscal. Ele também deixou de recolher parte da contribuição previdenciária dos servidores ao Regime Próprio de Previdência Social, totalizando R$ 113.339,50, o que corresponde a 17,25% do total a ser recolhido durante o exercício.

O democrata deixou de recolher ainda parte da contribuição previdenciária patronal, no total de R$ 245.646,41, correspondendo a 29,65%, do total a ser repassado à época.

Diante das irregularidades, o tribunal fez as seguintes determinações ao município, visando a melhoria dos tópicos pertinentes às contas de governo:

- Promover ações com o objetivo de melhorar as receitas próprias da municipalidade;
- Verificar a consistência das informações prestadas pelo município na prestação de contas e no sistema Sagres do TCE;
- Adotar mecanismos de controle para garantir o equilíbrio atuarial e financeiro do Regime Próprio de Previdência Social;
- Observar os limites legais para o correto repasse de duodécimos para o Legislativo municipal;
- Envidar esforços para melhorar os gastos com saúde e educação do município.

Escrito por Magno Martins



Vista-se bem com a..