sexta-feira, 31 de janeiro de 2020

Serralheria Aço e Arte.

"Nós tínhamos uma coletiva de imprensa e não um comício" declara Mamão sobre criticas do prefeito de Jataúba



Nesta quinta-feira (30) o líder político Fábio Mamão concedeu uma entrevista no Programa Olhando de Frente na Rádio Comunidade FM, dentre outras questões Mamão falou do momento de transformação e destacou a importância para o município da sua união com o empresário Boy. 


Mamão disse que após uma longa conversa entendeu de fato que Boy não tinha mais nenhum laço político com o atual prefeito e que o pensamento tanto dele quanto de Boy era trabalhar pelo coletivo da cidade de Jataúba. Mamão ratificou que o primeiro convite foi para que o mesmo fosse o candidato a prefeito, porém, disse que só aceitaria a junção para ser vice do Boy ou de Dra. Cátia, caso contrário sairia candidato, pois, não seria justo com os seus eleitores passar 24 anos lutando contra o sistema implantado pelo atual prefeito e no final se juntar a ele e reafirmou: “Com o prefeito eu nunca iria me juntar”, destacou. 


O líder politico destacou o governo paralelo que vem fazendo no município ao longo dos anos de disse que tem muito a mostrar, principalmente na área de infraestrutura, destacando a sua luta na adutora que liga Poço Fundo a Jataúba, barragens construídas junto ao governo do estado, dentre outras e destacou a luta e a importância para conquistas dessas obras de pessoas como Eduardo Campos, Diogo Moraes, Ana Arraes, Wolney Queiroz e do governador Paulo Câmara. 


Sobre as críticas do prefeito Antônio de Roque de que a população não compareceu para prestigiar a junção de Mamão e Boy o líder político foi enfático. “Nós tínhamos no dia 24 em Jataúba uma coletiva de imprensa e não um comício, eu acredito que esse foi um desabafo do senhor prefeito, mas, se isso o satisfaz que ele pense assim, o importante pra nós é o dia 04 de outubro, e os comícios vão acontecer no tempo de campanha ai ele tira as conclusões se terá gente ou não, agora quem tinha que está de fato era a imprensa pelo fato de ser uma coletiva e quanto a isso estamos muito satisfeitos”, declarou Mamão. 


Ainda sobre a junção mamão disse que o prefeito tinha uma arma que toda vez que a coisa estava ruim ele usava e derrubava o mamão do pé, e que por incompetência ou orgulho ele jogou essa arma fora, Mamão disse que hoje essa arma mudou de lado e que para ele não seria justo ver essa tão grande oportunidade de mudar os destinos de Jataúba e deixar passar, pois, segundo ele se saíssem três candidatos às chances do prefeito fazer o sucessor seriam bem maiores. Mamão disse ter certeza que junto de Boy ou Dra. 


Cátia vão fazer um grande trabalho por Jataúba e destacou a questão hídrica como o grande entrave para que Jataúba venha a crescer, porém, destacou que com a união de forças esses problemas serão solucionados um dia. Ele destacou a importância de duas forças políticas de Santa Cruz estarem unidas nesse projeto de Jataúba destacando Alessandra e Diogo Moraes e disse que o conjunto de forças será muito importante para o município.


 Jota Silva / Folha de Jataúba

"A junção de Val e Mamão favoreceu nosso grupo" declara o prefeito Antônio de Roque em entrevista

Imagem do Blog Ney Lima

Durante entrevista no Patrulha do Agreste desta quinta-feira o prefeito de Jataúba Antônio de Roque fez um balanço da sua administração e disse que tem trabalhado para que os serviços públicos cheguem à população com mais qualidade. Roque falou sobre as dificuldades que pequenos municípios enfrentam e destacou avanços em setores do governo como a educação, serviços e saúde onde o mesmo destacou a construção dos prédios de 06 PSF’s segundo ele só nessa gestão. 

O prefeito destacou o trabalho da guarda municipal e disse que conseguiu além de entregar três motos novas para o patrulhamento, uma viatura junto ao governo federal através do deputado federal Ricardo Teobaldo e disse que a mesma deve chegar até o mês de abril e destacou que caso haja algum problema o mesmo entregará uma viatura para a guarda até o final do seu mandato que vai até 31 de dezembro desse ano. 

Sobre as eleições 2020 disse que está confiante de que seus candidatos que serão apresentados no momento certo irão vencer as eleições e dar continuidade ao trabalho que vem sendo feito. Roque disse ter muito respeito pelo empresário Boy e por Fábio Mamão, porém, disse que a junção dos dois ocorrida no último dia 24 em Jataúba favorece o candidato que será apresentado pela situação, pois, o discurso do novo apresentado em 2018 quando segundo ele a população entendeu a mensagem e fez os candidatos da terceira via majoritários caiu por terra e agora é esperar o entendimento do eleitor. 

“Não é hora de antecipar as eleições, nosso grupo tem candidato, e candidato forte, pessoas humildes, pois, não temos estrelas para colocar, mas, é o candidato da continuidade, a junção de Val e Mamão foi muito importante, mas, não tinha gente, foi anunciado em blogs, rádio, carros de som e o efeito esperado não aconteceu, pois, o mais importante que é o cidadão eleitor não compareceu para ver o que estava acontecendo, as redes sociais estão mostrando ai os ataques que aconteceram entre eles, e embora muitos não vejam assim, essa junção foi boa para o meu grupo e o impacto que eles esperavam ficou pra outro momento”, destacou Roque. 

Segundo o prefeito, Jataúba tem uma política muito acirrada e a discursão que vem acontecendo há 20 anos volta a ser o tema da campanha. “As coisas voltaram para a mesma discussão, é Antônio de Roque contra Mamão ou Val e eles estão no mesmo projeto, então o discurso do novo, de fazer uma politica diferente caiu por terra e o povo vai julgar isso e quem o povo entender a mensagem vai ganhar as eleições”, finalizou Antônio de Roque. 

Jota Silva / Folha de Jataúba