quarta-feira, 22 de janeiro de 2020

Secretaria de Saúde convoca todos para atualizar e cadastrar o cartão do SUS.


A Prefeitura de Jataúba, através da Secretaria de saúde, baseada na nova portaria ministerial Nº 2.979, de 12 de novembro de 2019, informa e convoca toda a população para cadastramento ou atualização cadastral do cartão do SUS, informamos a todos os usuários que os ACS’s e cadastradores estarão passando em suas residências para cadastrar seu domicílio e todos os que nele residem. 

Estejam com todos os seus documentos e dos membros de sua família, cartão SUS atualizado e comprovante de residência.

#prefeituradejatauba#governandocomopovo #édaquipramelhor #Jataúba #saudejatauba #cartaodosus#atualiazacaodosusatualiazacaodosus

Pernambuco decreta situação de emergência em 61 cidades do Agreste e Jataúba está entre as cidades citadas.

Seca atinge 61 cidades do Agreste pernambucano. (Foto: Teresa Maia/Arquivo DP.)

Em decorrência da seca, o governador de Pernambuco, Paulo Câmara, declarou situação de emergência por 180 dias em 61 cidades do Agreste. O decreto, publicado no último sábado (18), no Diário Oficial do Estado, libera esses municípios a buscarem recursos para diminuir os transtornos causados pela estiagem, tanto com o governo federal quanto com o estadual. Agora, cabe a cada localidade definir o tipo de ajuda que necessitam - pode ser um carro-pipa, dinheiro ou material.

O texto menciona que a região vem apresentando “perdas significativas na agropecuária” e que “os habitantes dos municípios afetados não têm condições satisfatórias de superar os danos e prejuízos provocados pelo evento adverso, haja vista a situação socioeconômica desfavorável da região”. Dentre as localidades mencionadas estão Garanhuns, Gravatá, Águas Belas, Belo Jardim e Lajedo.

Antes do decreto ser baixado, a Defesa Civil Estadual (Codecipe) visitou pessoalmente cada uma das 61 cidades para atestar a situação emergencial. “A falta d’água é algo muito comum nessa área. O Agreste é a região com mais dificuldade nisso. Muitos pensam que é o Sertão, mas por lá tem o Rio São Francisco”, explica o chefe da Casa Militar de Pernambuco, coronel Carlos José Viana.

“Esses municípios atingiram um índice pluviométrico muito baixo, dentro da meta história de chuva. Esse decreto é o passo final para que possam buscar ajuda federal. Eles podem se inscrever, por exemplo, no Sistema Nacional de Proteção e Defesa Civil (Sinpdec)”, acrescenta o coronel. 

Cidades afetadas

Agrestina, Águas Belas, Alagoinha, Altinho, Angelim, Belo Jardim, Bezerros, Bom Conselho, Bom Jardim, Brejão, Brejo da Madre de Deus, Buíque, Cachoerinha, Caetés, Calçados, Canhotinho, Capoeiras, Casinhas, Cumaru, Cupira, Feira Nova, Frei Miguelinho, Garanhuns, Gravatá, Iati, Ibirajuba, Itaíba, Jataúba, João Alfredo, Jucati, Jupi. Jurema, Lagoa do Ouro, Lajedo, Limoeiro, Orobó, Paranatama, Passira, Pesqueira, Pedra, Poção, Riacho das Almas, Sairé, Saloá, Sanharó, Santa Cruz do Capibaribe, Santa Maria so Cambucá, São Bento do Una, São Caetano, São João, São Joaquim do Monte, São Vicente Férrer, Surubim, Tacaimbó, Taquaritinga do Norte, Terezinha, Toritama, Tupanatinga, Venturosa, Vertente do Lério e Vertentes.

Diário de Pernambuco