sábado, 28 de setembro de 2013

Regiões Norte e Nordeste têm o maior aumento de acesso à Internet



O Brasil ganhou 5,3 milhões de internautas em 2012, segundo informa a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD), divulgada nesta sexta-feira (27) pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).
O destaque é o crescimento das pessoas conectadas no Norte e Nordeste, que ajudou o país a ter mais 6,8% de internautas no ano passado –chegando a 83 milhões, ou 42,1% da população à época. A pesquisa leva em conta quem acessou a internet até três meses antes do levantamento.

O aumento de computador com internet em casa também merece destaque. Entre os bens duráveis (telefone, máquina de lavar e veículos, por exemplo), foi o que mais cresceu de 2011 para 2012. Segundo a pesquisa, 46,4% das residências brasileiras têm pelo menos um computador, sendo que 40,3% das casas tem acesso à rede.

Uma das famílias nordestinas que conseguiu ter um PC conectado em casa foi a da empregada doméstica Jane Cabral, 39. Ela conta que comprou um computador novo no ano passado para o filho fazer os trabalhos escolares e contratou um serviço de internet banda larga.

Cabral, que mora em Maceió, explica que optou por um pacote de internet banda larga, mas que também inclui TV e telefone, ao preço de R$ 120 por mês. “Antes usávamos o vizinho, mas tínhamos aborrecimento porque quando a internet caía, e ele não estava em casa, não tínhamos como reclamar com a operadora”, disse. Cabral ressalta que além do filho, ela também usa a internet.

O mesmo ocorreu com a colega da empregada doméstica, Célia Ferreira, 42. Em junho, ela terminou de pagar a máquina de lavar e comprou um computador para os três filhos.

Para não pesar no orçamento, Ferreira disse que procurou um vizinho para dividir o acesso à internet. “Estava gastando quase R$ 30,00 por mês na lan house para os meninos usarem a internet e fazer pesquisas. Agora pago R$ 30 pela internet [de 10 megas]“, contou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário