segunda-feira, 14 de abril de 2014

Zé Augusto silencia sobre condenação em “Caso da Merenda”


O fato mais marcante da última semana na política de Santa Cruz do Capibaribe foi a condenação sofrida, em primeira instância, pelo deputado federal José Augusto Maia (PROS) no caso que ficou conhecido como “Caso da Merenda”. 

Na última terça-feira (08), o juiz de direito do município, Tito Lívio, sentenciou o deputado à pena de suspensão dos seus direitos políticos por três anos e pagamento de multa civil, no valor de R$ 18 mil.

Ao contrário do seu comportamento usual, já que é muito afeito a emissoras de rádio, Zé Augusto preferiu não falar sobre o caso, fincando sua defesa restrita apenas a uma nota enviada à imprensa.

Fico a cargo do seu filho, Tallys Maia dizer nas emissoras de rádio que tal fato não atrapalharia o futuro político do seu pai.

Durante o seu programa semanal de rádio, nesse sábado (12), o deputado preferiu silenciar sobre o caso. E não tocou sequer, uma única vez no assunto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário