terça-feira, 26 de agosto de 2014

Pernambuco: com Marina muda tudo, diz Armando



Para o candidato ao governo de Pernambuco Armando Monteiro Neto (PTB), a presidenciável Marina Silva (PSB) representa uma influência menor do que Eduardo Campos (PSB) poderia ter junto à população pernambucana, mesmo com todo o peso eleitoral que uma tragédia pode trazer. “Marina não é tão próxima dos pernambucanos…. Ela tem as memórias de suas raízes, mas tem muito mais articulação em São Paulo”, afirmou durante entrevista ao programa Em Foco com Aldo Vilela, na Rádio Globo Recife 720 AM. 

O petebista confirmou que o ex-presidente Lula (PT) estará em Pernambuco outras duas vezes até a eleição e ressaltou que haverá mais liberdade para o petista se movimentar, agora, no Estado. “Quando tínhamos Eduardo, algumas coisas inibiam a presença de Lula. A boa relação dos dois…. O fato é que ele poderia ser um aliado em um segundo turno”, explicou o candidato.

Lula em Pernambuco 
‘’Recebi um telefonema do presidente Lula na quinta-feira – diz Armando --demonstrando muito interesse em vir, inclusive dizendo o plano de visita, no interior, com presença no Recife. E veja, fazendo uma avaliação com o novo rumo da sucessão presidencial, as coisas mudaram também para Lula. Não há possibilidade de aliança de Marina com Lula. Há possibilidade dela no segundo turno com Dilma. Quando tínhamos Eduardo, algumas coisas inibiam a presença de Lula aqui. A relação dos dois, o fato de que ele poderia ser um aliado no segundo turno... agora com Marina tudo muda. Por que Lula não viria agora?’’

Do Diario de Pernambuco – Júlia Schiaffarino



Tudo para sua Casa e Construção 081 3746-1412

Nenhum comentário:

Postar um comentário