quarta-feira, 16 de outubro de 2013

TRE mantém cassação do prefeito de Petrolina



Por cinco votos a um, o pleno do Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE/PE) manteve nesta terça-feira (15), a cassação do mandato e a suspensão dos direitos políticos do prefeito de Petrolina, Júlio Lóssio (PMDB), e do seu vice Guilherme Coelho (PSDB), rejeitando o recurso apresentado pela sua defesa.Lóssio foi cassado por abuso de poder político e econômico durante o período eleitoral, foram questões relacionadas à regularização fundiária de terrenos no bairro Terras do Sul. Lóssio terá que recorrer agora ao Tribunal Superior Eleitoral.

Do Blog do Magno Martins

Nenhum comentário:

Postar um comentário